São Paulo F.C



São Paulo FC presta homenagem aos ídolos Dario Pereyra e Lucas Moura

Os ex-atletas participaram de almoço com diretoria, que mensalmente pretende valorizar craques do passado

Nesta quarta-feira (13/06), o São Paulo realizou mais uma edição das homenagens a ex-jogadores e eternos ídolos do clube. Em um almoço com membros da diretoria e representantes do Conselho Deliberativo, o meia Lucas Moura, campeão da Copa Sul-Americana em 2012, e Dario Pereyra, um dos maiores zagueiros do futebol mundial, relembraram histórias e foram presenteados com uma placa em homenagem aos serviços prestados ao Tricolor.

Idealizada pelos Conselhos Deliberativo e Consultivo e concretizada junto à Presidência e Diretorias, a ação tem como objetivo manter a proximidade com figuras históricas e que marcaram época no clube. "Um foi formado em Cotia, é uma das maiores transações do futebol nacional, fez sucesso aqui e esperamos que volte a fazer sucesso no clube em um futuro retorno ao Brasil. O outro é um dos maiores zagueiros do futebol mundial, tendo papel marcante na história do clube entre as décadas de 1970 e 1980. Esta sequência de homenagens não é uma reverência somente do Conselho Deliberativo e Diretoria, mas também dos torcedores", explicou o presidente do Conselho Deliberativo, Marcelo Abranches Pupo Barboza.

Além do tributo, os presentes aproveitaram para lembrar histórias e passagens marcantes e os contrastes de cada época. A preocupação da diretoria em manter vivas as raízes de sua história foi elogiada. “Uma iniciativa muito boa por parte do clube porque como ex-atleta, a tendência é ficar afastado. Receber esse reconhecimento e perceber a amizade de todos faz muito bem para nós e para o clube”, explicou Dario que além dos Paulistas de 1980, 1981, 1985 e 1987 foi bicampeão brasileiro em 1977 e1986.

Ex-atleta do Paris Saint-Germain e atualmente no Tottenham, da Inglaterra, Lucas  explicou sobre a felicidade de voltar ao clube que o revelou. “Toda vez que venho ao Morumbi passa um filme na cabeça e bate uma saudade grande. O São Paulo faz parte da minha história, proporcionando muitas alegrias e permitindo que chegasse onde estou. Fico muito feliz e honrado em receber essa homenagem, pois o São Paulo está no meu coração”.

O presidente Carlos Augusto de Barros e Silva destacou a importância da ação e da continuidade na valorização de grandes nomes da história do São Paulo, “Esse resgate da nossa história, seja em um passado recente ou em outros momentos da nossa história faz parte dos valores que o clube acredita e tem intensificado, como estamos fazendo, por exemplo, com a presença do Lugano na Superintendência de Relações Institucionais. Todos homenageados carregam DNA dos princípios que acreditamos e que nos unem para sempre. Temos sempre que reconhecer quem fez história pelo São Paulo, ajudando a instituição a crescer e parabenizar por tudo que fizeram pelo torcedor e o clube", ponderou.

Além dos presidentes da Diretoria e do Conselho Deliberativo, estiveram presentes o ex-presidente José Augusto Bastos Neto, representando o Conselho Consultivo e os conselheiros Itagiba Alfredo Francez, José Alexandre Medicis da Silveira, José Sorrentino Dias da Silva, Manoel Lauro de Pontes e Silvio Paulo Médici.