São Paulo F.C



Rogério Ceni: o goleiro de uma nação

#M1T000 completará 1000 jogos com excelentes defesas e técnicas para poucos

Com a bola nos pés, o talento do goleiro Rogério Ceni é insuperável. Os 103 gols do Capitão demonstram isto, além dos grandes lançamentos que efetua, que resultam em lances de perigo e mesmo em gols. Rogério, que completará mil jogos com a camisa do São Paulo, também é ídolo por suas atuações debaixo das traves. Inesquecíveis e incontáveis defesas. Estima-se que já tenha defendido mais de 3.000 chutes.

"Ele tem a técnica do goleiro brasileiro. Além disso, o Rogério desenvolveu algumas coisas. Ele sempre teve a ousadia de bater bem na bola, na reposição de jogo. É um goleiro que tem um segurança ótima debaixo das traves e uma boa impulsão. Ele reúne as melhores técnicas dos goleiros mundiais", elogiou Zetti.

Inapelavelmente, a primeira partida que vem à mente do torcedor quando o assunto é desempenho embaixo das traves é a decisão do Mundial de Clubes de 2005, no Japão, onde Ceni se consagrou como Lenda, sendo escolhido o melhor jogador em campo e também o melhor jogador da competição.

"Como goleiro, eu aprendi muito com ele. Vi ele fazendo partidas excepcionais. Foram defesas inesquecíveis, uma delas foi esta do Mundial. Vai ficar para a história do clube. Um goleiro inquestionável. Uma técnica dremenda. Só nós temos o Rogério Ceni", completou o goleiro Bosco.

Todavia, impossível não se lembrar de certa partida ocorrida no Canindé, numa noite chuvosa, em que o Capitão pegou até os pensamentos de Ricardo Oliveira. Os espetaculares desempenhos contra o Rosário Central, no Morumbi, em 2004 e contra o Cruzeiro, no Mineirão, em 2006. Ou ainda sua grande sequência invicta, sem tomar gols, no Campeonato Brasileiro de 2007 (Foram 990 minutos). Milagres e mais milagres.

Quando o assunto são pênaltis, então... Caso o São Paulo precise de seus serviços neste critério hoje, não poderia estar melhor Rogério guarnecido. Ele é o goleiro são-paulino com o melhor desempenho em disputas de pênaltis, empatado com o mestre Zetti, com 75% de aproveitamento. Foram 16 disputas, nas quais o Tricolor saiu-se vitorioso em 12 vezes. Ou seja: Disputa de pênaltis contra o SPFC com Rogério no gol não são 50% de chances para cada lado!

"A técnica dele é indiscutível. Sempre cresci vendo ele jogar. Sou fã do que ele faz debaixo do gol. Ele tem defesas que poucos fariam durante toda carreira. Me espelho nele. Sempre procuro olhar o que ele faz nos treinamentos. Quero fazer igual para um dia conseguir fazer as mesmas defesas", ressaltou Denis, atual reserva do Mito.

No geral, conhecemos 48 defesas de pênalti válidas. Em verdade, Rogério já estreou no clube defendendo pênalti. Foi no Troféu de Santiago de Compostela, Espanha. Suas intervenções foram providenciais para as conquistas dos títulos da Copa Conmebol de 1994 e do Torneio Rio-São Paulo de 2001 (onde defendeu 3 pênaltis na mesma partida, semifinal). Na Copa Libertadores da América foi o herói contra Rosário Central (2004), Estudiantes (2006) e Universitário do Peru (2010).

Seus números são fenomenais. Mesmo tendo atuado 999 vezes com a camisa Tricolor (o que desnivela sua média de gols sofridos, em comparação com goleiros que jogaram menos - afinal, quanto menos se joga, mais fácil possuir uma boa média), seu desempenho é marcante: Somente 1152 gols sofridos. Ou seja, 1,15 gol por jogo.

"Durante os treinos, ele sempre queria que eu chutasse para ele defender. Isso dava condição de jogo. Ele é perfeito tecnicamente. Ele tem muita agilidade e sabe se comportar em cada chute dos atacantes", completou Roger, que foi reserva de Ceni nos anos 90.

Rogério Ceni, em síntese, também é soberano como guardião da meta são-paulina.

Confira abaixo as decisões por pênaltis em que Ceni esteve em disputa:

Data Competição


Clube



27.06.1993 Santiago de Compostela 2 X 2 River Plate (ARG) 4 X 3 Vitória
21.08.1993 Troféu Colombino 1 X 1 Sampdoria (ITA) 3 X 4 Derrota
11.06.1994 Taça da Solidariedade 0 X 0 Corinthians (SP) 1 X 4 Derrota
10.11.1994 Copa Conmebol 0 X 0 Grêmio (RS) 6 X 5 Vitória
09.12.1994 Copa Conmebol 2 X 3 Corinthians (SP) 5 X 4 Vitória
23.01.1997 Torneio Rio-São Paulo 1 X 1 Fluminense (RJ) 5 X 4 Vitória
25.02.1998 Torneio Rio-São Paulo 1 X 0 Palmeiras (SP) 3 X 2 Vitória
10.02.2001 Campeonato Paulista 2 X 2 Inter de Limeira (SP) 3 X 2 Vitória
21.02.2001 Torneio Rio-São Paulo 1 X 2 Fluminense (RJ) 7 X 6 Vitória
17.03.2001 Campeonato Paulista 4 X 4 Portuguesa Santista 3 X 2 Vitória
03.12.2003 Copa Sulamericana 2 X 0 River Plate (ARG) 2 X 4 Derrota
12.05.2004 Libertadores 2 X 1 Rosario Central (ARG) 5 X 4 Vitória
22.09.2004 Copa Sulamericana 1 X 1 São Caetano (SP) 4 X 1 Vitória
19.07.2006 Libertadores 1 X 0 Estudiantes (ARG) 4 X 3 Vitória
27.08.2008 Copa Sulamericana 0 X 0 Atlético (PR) 3 X 4 Derrota
04.05.2010 Libertadores 0 X 0 Universitario (PER) 3 X 1 Vitória

E, por fim, os 48 pênaltis defendidos:

Data Competição


Clube Situação Adversário
25.06.1993 Santiago de Compostela 4 X 1 Tenerife (ESP) Jogo Dertycia
27.06.1993 Santiago de Compostela 2 X 2 River Plate (ARG) Pós-jogo Corti
10.11.1994 Copa Conmebol 0 X 0 Grêmio (RS) Pós-jogo Luís Carlos
09.12.1994 Copa Conmebol 2 X 3 Corinthians (SP) Pós-jogo Gralak
09.12.1994 Copa Conmebol 2 X 3 Corinthians (SP) Pós-jogo Leandro Silva
23.01.1997 Torneio Rio-São Paulo 1 X 1 Fluminense (RJ) Pós-jogo Bruno Reis
26.08.1997 Supercopa João Havelange 2 X 3 Flamengo (RJ) Jogo Sávio
03.02.1998 Torneio Rio-São Paulo 1 X 1 Flamengo (RJ) Jogo Palhinha
25.02.1998 Torneio Rio-São Paulo 1 X 0 Palmeiras (SP) Pós-jogo Rogério
02.08.1998 Campeonato Brasileiro 2 X 1 Guarani (SP) Jogo Gilson Batata
18.10.1998 Campeonato Brasileiro 1 X 2 Coritiba(PR) Jogo Gélson Baresi
25.07.1999 Campeonato Brasileiro 5 X 1 Atlético (MG) Jogo Marques
01.09.1999 Campeonato Brasileiro 3 X 2 Guarani (SP) Jogo Luiz Fernando
19.02.2000 Torneio Rio-São Paulo 0 X 3 Vasco da Gama (RJ) Jogo Romário
17.05.2000 Campeonato Paulista 4 X 2 Portuguesa (SP) Jogo Leandro Amaral
22.07.2000 Copa dos Campeões 1 X 3 Sport (PE) Jogo Nildo
24.09.2000 Campeonato Brasileiro 3 X 1 Gama (DF) Jogo Romualdo
04.10.2000 Campeonato Brasileiro 1 X 1 Grêmio (RS) Jogo Ronaldinho Gaúcho
10.02.2001 Campeonato Paulista 2 X 2 Inter de Limeira (SP) Pós-jogo Luizinho Netto
21.02.2001 Torneio Rio-São Paulo 1 X 2 Fluminense (RJ) Pós-jogo Roni
21.02.2001 Torneio Rio-São Paulo 1 X 2 Fluminense (RJ) Pós-jogo César
21.02.2001 Torneio Rio-São Paulo 1 X 2 Fluminense (RJ) Pós-jogo Jorginho
26.08.2001 Campeonato Brasileiro 4 X 0 Ponte Preta (SP) Jogo Washington
03.02.2002 Torneio Rio-São Paulo 4 X 3 Fluminense (RJ) Jogo Roger
18.09.2002 Campeonato Brasileiro 0 X 2 Bahia (BA) Jogo Nonato
29.09.2002 Campeonato Brasileiro 2 X 2 Corinthians (SP) Jogo Guilherme
13.07.2003 Campeonato Brasileiro 3 X 1 Fluminense (RJ) Jogo Sorato
23.10.2003 Campeonato Brasileiro 3 X 3 Guarani (SP) Jogo Rodrigão
25.04.2004 Campeonato Brasileiro 1 X 1 Criciúma (SC) Jogo André
12.05.2004 Libertadores 2 X 1 Rosario Central (ARG) Pós-jogo Gaona
12.05.2004 Libertadores 2 X 1 Rosario Central (ARG) Pós-jogo Irace
28.08.2004 Campeonato Brasileiro 3 X 3 Guarani (SP) Jogo Valdir Papel
22.09.2004 Copa Sulamericana 1 X 1 São Caetano (SP) Pós-jogo Thiago
27.02.2005 Campeonato Paulista 1 X 0 Corinthians (SP) Jogo Coelho
12.03.2006 Campeonato Paulista 2 X 1 Corinthians (SP) Jogo Rafael Moura
19.07.2006 Libertadores 1 X 0 Estudiantes (ARG) Pós-jogo Agustín Alayes
02.08.2006 Libertadores 3 X 0 Guadalajara (MEX) Jogo Ramón Morales
20.08.2006 Campeonato Brasileiro 2 X 2 Cruzeiro (MG) Jogo Wagner
18.01.2007 Campeonato Paulista 3 X 1 Sertãozinho (SP) Jogo Ricardo Lopes
28.03.2007 Campeonato Paulista 4 X 0 Rio Branco (SP) Jogo Heraldo
05.09.2007 Campeonato Brasileiro 0 X 0 Atlético (MG) Jogo Coelho
14.06.2008 Campeonato Brasileiro 4 X 2 Flamengo (RJ) Jogo Ibson *rebote gol
07.03.2010 Campeonato Paulista 2 X 0 Ponte Preta (SP) Jogo Gadelha
04.05.2010 Libertadores 0 X 0 Universitario (PER) Pós-jogo Alva
04.05.2010 Libertadores 0 X 0 Universitario (PER) Pós-jogo Galván
26.05.2010 Campeonato Brasileiro 1 X 0 Palmeiras (SP) Jogo Ewerthon
29.08.2010 Campeonato Brasileiro 2 X 2 Fluminense (RJ) Jogo Washington
19.06.2011 Campeonato Brasileiro 2 X 0 Ceará (CE) Jogo Osvaldo