São Paulo F.C



Hora da 'força no Morumbi' ser itinerante

Com excelente retrospecto como mandante em 2015, Tricolor tenta melhorar os próprios números fora de casa

5781.jpg

Por Rubens Chiri/saopaulofc.net

Com excelente retrospecto como mandante em 2015, o Tricolor ainda não embalou fora de casa na temporada. Por isso, o elenco quer tentar melhorar este desempenho já no próximo final de semana para manter a equipe entre os líderes do Campeonato Brasileiro. No domingo (31), no Beira-Rio, o São Paulo visitará o Internacional com a missão de melhorar a sua estatística como visitante no ano e, assim, seguir no G-4 neste início de competição.

Como visitante, foram 13 jogos até aqui. Neste período, foram quatro vitórias, dois empates e sete derrotas (35,9% de aproveitamento) - 13 gols marcados e 15 sofridos. Os números estão longe do grande momento do time são-paulino diante de sua torcida este ano. Com 92,3% dos pontos conquistados no Cícero Pompeu de Toledo em 2015 - foram 12 vitórias e apenas uma derrota neste período -, o São Paulo tem seu melhor desempenho da história no estádio até aqui.

Assim, está superando a temporada 2008, que teve 82,41% (27 vitórias, oito empates e uma derrota em 36 jogos).  O único revés em casa, este ano, foi no clássico contra o Corinthians (1 x 0) ainda pela fase de grupos do Campeonato Paulista. Além das 13 partidas realizadas no Morumbi, o Tricolor também foi mandante em dois jogos no Pacaembu: nesta temporada 4 x 2 sobre o Capivariano e 2 x 0 no XV de Piracicaba, ambos pelo Estadual.

Desta forma, o aproveitamento como anfitrião em 2015 sobe para 93,33%:  segundo maior da história do clube, atrás apenas de 1950 (95,6% - 14 vitórias e um empate) e empatado 1933 (93,33% - 14 vitórias e uma derrota). E ciente de que é fundamental ter uma campanha regular dentro e fora de casa para buscar o troféu do torneio nacional, o meio-campista Paulo Henrique Ganso projeta uma 'reação' da equipe longe de seus domínios.

"Até fizemos algumas boas partidas fora de casa, mas depois da eliminação contra o Cruzeiro o time estava abatido e tivemos uma péssima partida contra a Ponte. Precisamos melhorar contra o Internacional já no próximo domingo, mesmo jogando no Beira-Rio, para vencer fora também" alertou o camisa 10, que teve a opinião compartilhada pelo goleiro Rogério Ceni.

Tricampeão brasileiro, em 2006, 2007 e 2008, o capitão conhece como poucos o Brasileirão. "Temos que conquistar pontos fora de casa também. Encontramos uma maneira de jogar no Morumbi, mas é preciso levar isso para os outros jogos. Teremos tempo até o jogo com o Internacional para trabalharmos e corrigirmos isso", opinou o M1TO.