São Paulo F.C



Aniversário de três são-paulinos ilustres!

O patrono Laudo Natel, o ex-jogador Zizinho e o zagueiro Maicon nasceram no dia 14 de setembro

O dia 14 de setembro é especial para os são-paulinos pois marca o aniversário de três personalidades da história do clube. Foi neste dia que, em 1920, nasceu o patrono tricolor, o ex-presidente Laudo Natel. Um ano depois, o saudoso mestre Zizinho veio ao mundo. Por fim, o atual capitão do time são-paulino, o zagueiro Maicon, nasceu nesta data, em 1988.

 

Laudo Natel: 96 anos de vida

O ex-presidente nasceu na cidade de São Manoel, no interior de São Paulo, no dia 14 de setembro de 1920, em meio a uma família humilde. Garoto da roça, percorria mais de 8 km todos os dias para estudar. Mudou-se para a capital em 1946, e prontamente entrou para o quadro de associados do Tricolor.

Trabalhou junto a outro grande presidente, Cícero Pompeu de Toledo, na modernização do clube. Como diretor financeiro, colocou a casa em ordem e batalhou ao longo de 18 anos para concluir o seu maior legado aos tricolores: o gigante Estádio do Morumbi.  

Tudo graça, principalmente, à “venda de ideias”, como costuma dizer, fruto de “Fé e Perseverança”.   

Hoje, com 96 anos de idade. Laudo empresta seu nome ao celeiro de jovens talentos do Tricolor em Cotia, o Centro de Formação de Atletas Presidente Laudo Natel, como reconhecimento por todo o trabalho dele em prol do São Paulo Futebol Clube.

  • Associado nº 38
  • Patrono do Clube
  • Grande Benemérito
  • Presidente da Diretoria Executiva – 1958-1970
  • Membro Nato do Conselho Consultivo
  • Membro Vitalício do Conselho Deliberativo
  • Diretor Tesoureiro/Financeiro – 1952-1958
  • Detentor da Comenda da Ordem da Perseverança São-Paulina
  • Agraciado com a Placa do Jubileu de Ouro

 

 O Mestre Ziza

Thomas Soares da Silva, o Zizinho, foi um dos maiores jogadores de futebol do mundo nos anos 40 e 50 na concepção de vários especialistas. Foi o melhor jogador da Seleção Brasileira no Sul-Americano de 1949 e da Copa do Mundo de 1950. Fazia muitos gols, lançava com maestria, driblava com precisão e, acima de tudo, comandava o time com autoridade, mas sempre sorrindo.

Jogou pouco mais de um ano no Tricolor, porém o suficiente para entrar na história como o grande líder do time campeão paulista de 1957, na popular "noite das garrafadas". Na verdade, Zizinho ajudou a revolucionar o time que entrou desacreditado no campeonato. Com as inovações táticas e técnicas do técnico Béla Guttmann no banco e com Mestre Ziza no campo, o São Paulo faturou o caneco.

Ainda hoje, permanece na memória daqueles que o viram jogar como sendo participante indiscutível de qualquer seleção dos melhores jogadores da história clube

  • Jogos disputados pelo SPFC: 67;
  • Estreia: 10/11/1957;
  • Último jogo: 09/11/1958;
  • Gols marcados no SPFC: 27;
  • Nascimento: 14/09/1921. São Gonçalo (RJ);
  • Falecimento: 08/02/2002. Niterói (RJ);
  • Títulos conquistados no SPFC: Campeão Paulista de 1957.

 

Maicon

O capitão do atual time do Tricolor, o zagueiro Maicon conquistou a braçadeira e o apoio da torcida rapidamente, ainda com poucos jogos pelo clube, mostrando toda a garra e dedicação em cada jogada, em cada lance que disputava com a camisa são-paulina.

Maicon ajudou a levar o São Paulo à semifinal da Copa Libertadores da América de 2016, marcando o gol da classificação à essa fase contra o Atlético Mineiro, fora de casa, e até mesmo jogando fora de sua posição – mais do que isso, na verdade: jogando como goleiro, e sem comprometer.

  • Jogos disputados pelo SPFC: 40;
  • Estreia: 24/02/2016;
  • Gols marcados no SPFC: 3;
  • Nascimento: 14/09/1988. Barretos (SP);