São Paulo F.C



"Eu escolhi o São Paulo, e o São Paulo me escolheu"

Tchê Tchê recebeu as boas-vindas de Raí e foi apresentado nesta quarta-feira (3)

Reforço do Tricolor para as disputas do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil, Tchê Tchê recebeu as boas-vindas de Raí e foi apresentado nesta quarta-feira (3) no CT da Barra Funda.

> TCHÊ TCHÊ INTEGRADO!

“Voltar ao Brasil foi uma decisão minha. Falei com minha família e estou feliz de estar aqui. Eu escolhi o São Paulo e o São Paulo me escolheu. Chego com uma vontade imensa de ajudar o grupo, não tem cadeira cativa”, afirmou o meio-campista, que completou.

> TABELA DO BRASILEIRÃO 2019!

“Chego com uma vontade imensa de ajudar o grupo, porque não tem cadeira cativa no grupo. O elenco tem jogadores que estou acostumado a assistir, como Hernanes e Pato. Estou disposto a ajudar da melhor maneira possível”, disse.

> TCHÊ TCHÊ NA SPFCtv!

O volante, de 26 anos, que estava Dínamo de Kiev, da Ucrânia, assinou contrato com o clube válido pelas próximas quatro temporadas, fez os exames médicos no início da semana e já está integrado ao elenco nas atividades no Centro de Treinamento da Barra Funda.

“Vou trabalhar acima de tudo, porque o segredo é o trabalho. Não tem como conseguir a confiança de ninguém sem trabalho. Sou suspeito para falar sobre o Cuca, porque trabalhamos juntos no Palmeiras, mas tenho que deixar claro que não estou aqui só pelo treinador, mas porque o clube me quis”, concluiu.

Tchê Tchê começou a carreira no Audax. Após passagens por Guaratinguetá, Ponte Preta e Boa Esporte, o meio-campista retornou ao futebol paulista e foi um dos destaques do estadual de 2016, sendo vice-campeão pelo Audax. Em alta, o jogador foi eleito revelação e melhor meia do torneio daquele ano, despertando o interesse do Palmeiras.

No arquirrival do Tricolor, o meio-campista manteve a regularidade e conquistou o Campeonato Brasileiro de 2016, sendo eleito o melhor volante no Prêmio Bola de Prata e Melhor volante no Prêmio Craque do Brasileirão – organizado pela CBF. Assíduo, disputou 37 das 38 rodadas.

Em 2018, após duas boas temporadas no time palmeirense, Tchê Tchê foi transferido para o Dínamo de Kiev, da Ucrânia. No Velho Continente, o jogador adquiriu mais experiência e disputou a Liga dos Campeões e a Liga Europa antes de acertar a chegada ao São Paulo.