São Paulo F.C



Tréllez: pontaria afiada e confiança de Aguirre para duelo na Arena

Atacante balançou as redes três vezes nos últimos cinco jogos e vive a expectativa de herdar o lugar de Diego Souza

PINT8031.jpg

Por Paulo Pinto / saopaulofc.net

Sem poder contar com Diego Souza, suspenso, o técnico Diego Aguirre tem à disposição um atacante com a pontaria afiada para encarar o Atlético-MG nesta quarta-feira (5), às 21h45, na Arena Independência: Tréllez, que balançou as redes três vezes nos últimos cinco jogos.

O colombiano deixou a sua marca nos confrontos com Vasco da Gama (2 x 1), Sport (3 x 1) e Fluminense (1 x 1). O tento contra os vascaínos, no Estádio Cícero Pompeu de Toledo, foi especial para o centroavante.

“Vibrei muito nos gols que marquei, mas contra o Vasco assumimos liderança do Brasileiro. Foi mais importante para mim”, revelou o atleta, que agora vive a expectativa de encarar os mineiros.

“O Aguirre disse que tenho grandes chances de jogar. Quem está no banco sempre espera jogar como titular. Sempre quero jogar e ser titular, mas também sei que a competição com Diego Souza é muito difícil. Quando tenho oportunidade, tento fazer as coisas bem para seguir ajudando o São Paulo, assim como os meus companheiros”, afirmou Tréllez, que destacou o trabalho desenvolvido com o treinador uruguaio.

“Tenho uma relação muito boa com ele. Conversamos muito. Os dois falam espanhol, e isso facilita bastante. Está sendo bem importante para ter confiança dentro e fora de campo. A confiança que ele nos dá é importante. Ele fala com os que jogam e os que não jogam muito. Muitas vezes o atleta precisa dessas conversas com a comissão para ter confiança”, analisou o atacante, que emendou.

“O time está demonstrando que a força do treinador ajuda muito, porque acreditamos no trabalho dele. Às vezes, por um jogo ruim, a torcida cobrava, mas a confiança deixou todos mais fortes e ajudou a dar a volta por cima. Todos se ajudam para dar o melhor. Queremos que o São Paulo seja campeão”, disse.

Por fim, o centroavante projetou o duelo em Belo Horizonte. “Será um jogo difícil contra o Atlético-MG, e vamos tentar recuperar os pontos perdidos em casa. A competitividade do time, de titulares ou reservas, ajuda a manter a equipe bem dentro e fora de casa. O Brasileirão é um dos campeonatos mais difíceis”, finalizou.