São Paulo F.C



"É um dos melhores grupos que já trabalhei"

Cícero exalta elenco tricolor, ressalta trabalho de Rogério Ceni e confia na união para fazer um grande Brasileiro

DSC_0709.JPG

Por Érico Leonan / saopaulofc.net

Um dos atletas mais experientes do elenco, Cícero concedeu coletiva de imprensa nesta quarta-feira (17), rechaçou qualquer polêmica com o técnico Rogério Ceni e mais uma vez demonstrou confiança no trabalho desenvolvido pelo treinador para fazer o time ter uma boa campanha no Campeonato Brasileiro. No CT da Barra Funda, o camisa 8 enalteceu o comandante e afirmou que o elenco está unido para recolocar o Tricolor no caminho das vitórias.

“O Rogério é referência para todos nós, temos muito a aprender com ele. O trabalho dele é bom. Todos falaram do São Paulo no início da temporada, mas sabemos que as eliminações pesam muito. Se falar que estamos bem, estarei mentindo. Temos que botar pés no chão e trabalhar”, afirmou o meio-campista, que completou.

"Foram cinco derrotas na temporada, em 27 jogos. Temos que ter essa gana de ganhar, que ele teve, e botar isso dentro de campo. As eliminações pesam e as pessoas começam a fuçar para arrumar culpados, que um brigou com o outro. Temos que parar com isso, trabalhar e chamar o torcedor para nos apoiar. Blindar os mais novos, que não devem aparecer nessa situação. Temos que conversar com eles”, avaliou.

Durante o bate-papo com os jornalistas, o jogador também projetou a sequência do Campeonato Brasileiro após a estreia diante do Cruzeiro. “Temos tempo para melhorar no torneio e fazer uma grande temporada. O método de trabalho do Rogério é muito bom, mas tivemos pouco tempo ainda. Isso a longo prazo vai dar muito o que falar, e vai depender de nós jogadores abraçarmos essa causa e fazermos uma temporada digna do São Paulo”, opinou o volante, que emendou.

“A pressão é natural quando as coisas não dão certo. Para nós, jogadores e comissão técnica, temos que estar unidos para sair de uma situação dessa. Tive um ambiente muito bom aqui em 2012 e fomos campeões da Sul-Americana. E esse grupo atual é um dos melhores que trabalhei em toda minha vida. Todo mundo fala com todo mundo, não há vaidade e todos brincam”, finalizou Cícero.