São Paulo F.C



Despedidas emocionaram o vestiário

Após o duelo com o Bahia, Lugano e Denis se despediram dos companheiros no último domingo (3)

O último final de semana foi de despedidas após o duelo com o Bahia (1 x 1), no Morumbi, pela rodada de encerramento do Campeonato Brasileiro de 2017. Após saudar a torcida no campo, Lugano se despediu dos companheiros e foi homenageado nos vestiários.

Das mãos do presidente Carlos Augusto de Barros e Silva e o diretor executivo de futebol Vinicius Pinotti, o zagueiro recebeu a camisa 213 – número de vezes que defendeu o Tricolor. Assim como o uruguaio, o goleiro Denis também foi homenageado e recebeu o manto são-paulino com o número 173.

Atleta mais antigo do elenco - desde 2009, o que o faz o 20º jogador com mais tempo de clube -, o arqueiro disputou 173 jogos pelo São Paulo, sendo nove este ano. Denis, cujo contrato se encerra no final da temporada, é o nono goleiro que mais defendeu o Tricolor na história.

A dupla, que foi exaltada por jogadores, membros da comissão técnica e diretores, agradeceu o companheirismo e desejou sorte ao time são-paulino em 2018. O jovem Brenner, autor do gol paulista no empate com os baianos, pediu e ganhou a camisa utilizada pelo ídolo Lugano na despedida.

Antes de deixarem os vestiários, os tricolores tiraram fotos e se despediram para o período de férias. No início de janeiro do próximo ano, o elenco se reapresentará para a pré-temporada e abrirá os preparativos para fortalecer a equipe em busca de títulos.