São Paulo F.C



Com "DNA de goleiro", Jean festeja chegada ao Tricolor

Filho de ex-arqueiro, reforço são-paulino foi um dos destaques do futebol brasileiro em 2017

DSC_0736.JPG

Por Érico Leonan / saopaulofc.net

Reforço do Tricolor para as próximas cinco temporadas, o goleiro Jean chegou motivado ao Tricolor para dar sequência ao seu bom momento na carreira e fortalecer o time em 2018. Filho do ex-goleiro Jean, que defendeu grandes equipes do futebol brasileiro, o atleta que estava no Bahia festejou a nova etapa na carreira.

“Era um sonho de infância poder jogar no São Paulo, porque todo atleta tem o objetivo de atuar em grandes clubes. Estou feliz e honrado em representar a equipe nas próximas temporadas. Quero ajudar os meus novos companheiros”, afirmou o jogador, de 22 anos, que elogiou os torcedores são-paulinos.

“Acompanhei a mobilização da torcida em 2017. Foi sensacional. E espero que a gente possa festejar juntos em 2018. Cheguei para ajudar o grupo, e contamos com o apoio dos torcedores. Vou honrar esta camisa, com raça, para ter uma passagem vitoriosa aqui”, destacou.

Revelado nas categorias de base do Bahia, Jean seguiu os passos do pai atrás do sonho de se tornar jogador. “Sempre me espelhei no meu pai e acompanhei o futebol. Tenho um irmão de 16 anos, o João, que também é goleiro e está no Bahia. O pessoal até brinca com a gente, porque o raio caiu três vezes no mesmo lugar. Nossa família tem DNA de goleiros (risos)”, revelou o arqueiro, que teve um ídolo são-paulino como inspiração.

“Gostava de ver o Rogério Ceni. Ele é uma referência na posição e serviu de inspiração na minha carreira”, completou. Nas últimas três temporadas, Jean foi titular absoluto da equipe baiana. No início deste ano, foi um dos principais destaques de seu clube na conquista da Copa do Nordeste, quando a equipe teve a melhor defesa do torneio – além de não ter sofrido gols na fase de grupos, o time foi vazado apenas cinco vezes em 12 partidas.

No Brasileirão, o arqueiro manteve a boa base e foi um dos grandes nomes de sua posição no campeonato: Jean disputou todas as 38 rodadas e foi o goleiro com mais defesas do torneio – 98 intervenções, média de 2,6 defesas por jogo.

“Sem dúvida, 2017 foi o melhor ano da minha carreira. Sou jovem, mas consegui me firmar e fiz bons jogos na Copa do Nordeste e, depois, no Campeonato Brasileiro. Estou feliz com o meu desempenho e preparado para evoluir ainda mais. Espero seguir assim e ter uma boa temporada no São Paulo, em 2018. Ouvi boas referências sobre o clube, conversei com o Petros durante um jogo beneficente na última semana e isso me alegrou ainda mais”, disse Jean, que destacou a concorrência por um lugar no time.

“O Sidão terminou bem o ano. Isso é bom para o São Paulo, porque a concorrência será grande. Nós conversamos recentemente, após o jogo no Morumbi na última rodada do Brasileiro, e ele demonstrou que é uma grande pessoa. Tenho certeza de quem estiver em campo dará o máximo para ajudar o time”, finalizou.