São Paulo F.C



#GodOfZaga: "Carinho da torcida pesou 100%"

Maicon celebra renovação de contrato com o Tricolor e se rende ao torcedor são-paulino

9849.jpg

Por Rubens Chiri / saopaulofc.net

De contrato renovado para seguir no Tricolor nas próximas quatro temporadas, Maicon fez questão de agradecer o apelo do torcedor nesta tomada de decisão do clube, que lutou pela permanência do atleta. De acordo com o defensor, a rápida identificação com o São Paulo e com a torcida foram fundamentais para que o acordo fosse selado, e o técnico Edgardo Bauza pudesse contar com o marcador na sequência da Libertadores da América.

“O carinho da torcida pesou 100% nesta minha decisão de seguir no clube. Os torcedores sempre me apoiaram, desde a minha chegada, e felizmente consegui retribuir este carinho com muita dedicação nos jogos. Nas ruas, nas partidas e nas redes sociais, eu sempre recebia o incentivo da torcida, que foi fundamental nesta renovação”, afirmou Maicon que chegou ao clube no início da temporada, emprestado pelo Porto-POR, e logo se firmou.

“Sempre acreditei no meu trabalho, mas não imaginei em momento algum que teria esta rápida sintonia com o São Paulo. As coisas aconteceram de forma positiva, me identifiquei com o clube, ganhei a confiança da comissão técnica, formei uma verdadeira família com os meus companheiros e contei com o apoio dos torcedores. Estes fatores me deixaram muito feliz”, acrescentou.

Os primeiros meses de Maicon no Tricolor foram intensos e contaram com atuações decisivas em diversos jogos, como na épica classificação para as oitavas de final da competição sul-americana, quando vestiu as luvas e fechou a meta diante do The Strongest-BOL, na altitude de La Paz. Também pela Libertadores foi protagonista ao marcar o gol que garantiu a vaga para a semifinal diante do Atlético-MG, em Belo Horizonte.

“Apesar do pouco tempo de clube, já vivi momentos memoráveis aqui. Mas nenhum deles é maior que o apoio que recebi da torcida. Esta é a parte mais importante. A cada desarme ou jogada, os torcedores me aplaudiam e incentivavam para seguir trabalhando com seriedade. Claro que o esforço da diretoria também foi fundamental neste processo, porque desde a minha contratação ela já queria prorrogar o contrato, mas o carinho dos torcedores me fez manter o foco no São Paulo e não pensar em nenhum outro clube. Sempre quis permanecer aqui”, revelou.

Dono da braçadeira de capitão nos últimos jogos, Maicon disputou 26 jogos até aqui e marcou dois gols. As seguras exibições na defesa e o potente chute de perna direita mostraram que o esforço do Tricolor em tentar manter o jogador era necessário. Além de ter a sua participação garantida na reta final do torneio continental, o jogador terá pela frente a sequência do Campeonato Brasileiro e a disputa da Copa do Brasil – competição que o clube ainda não conquistou.

“Os jogos contra o Atlético Nacional serão intensos e difíceis, mas tenho certeza de que o São Paulo chegará preparado. Pude ajudar em boa parte da campanha e não queria ficar de fora deste momento decisivo. Felizmente as coisas foram resolvidas, e agora vamos em busca da vaga na final da Libertadores”, disse o ‘God of Zaga’ – apelido que recebeu da torcida são-paulina. “Muito legal este apelido (risos). Meus amigos e familiares sempre me mandam as montagens, e me divirto bastante. Este tipo de coisa mexe com a cabeça do jogador e o faz lutar ainda mais pelas cores do clube”, finalizou.

 

INSCREVA-SE: http://spfc.vc/assinespfctv