São Paulo F.C



Os diferentes perfis de uma defesa cada vez mais segura

Sob os cuidados e as orientações de Bauza, zaga tricolor cresceu e ganhou mais consistência na temporada 2016

4539.jpg

Por Rubens Chiri / saopaulofc.net

Com 47 gols sofridos em 38 rodada do Campeonato Brasileiro de 2015, o sistema defensivo do Tricolor encerrou a sua participação na competição nacional com uma das defesas mais vazadas entre os primeiros colocados. Então, assim que assumiu o comando do time em 2016, o técnico Edgardo Bauza tratou de fortalecer o setor e dar mais segurança ao gol defendido por Denis. Os números mostram que o trabalho do treinador já tem dado resultado, e os diferentes perfis dos defensores se complementaram para fortalecer a zaga.

No início da temporada, o clube acertou as contratações dos experientes Lugano e Maicon, que reforçaram a marcação do time ao lado dos jovens Rodrigo Caio e Lucão - convocados constantemente para as equipes de base da Seleção Brasileira e integrantes do projeto olímpico. O uruguaio, multicampeão pelo São Paulo em sua primeira passagem, disputou duas partidas no seu retorno até aqui e viu o Tricolor ser vazado apenas uma vez (Ponte Preta, 1 x 0).

Assim como o uruguaio, Maicon também conseguiu se destacar neste começo de trajetória no time são-paulino. Titular nos últimos três jogos da equipe, o zagueiro escapou do rodízio do técnico Patón e já formou dupla de defesa com Rodrigo Caio (diante de Novorizontino,2 x 0, e Mogi Mirim, 2 x 0) e Lugano (contra a Ponte Preta). Em sete temporadas no Porto-POR, o atleta fez 191 jogos, conquistou nove títulos e também foi capitão.

De acordo com o jovem Rodrigo Caio, que já teve a oportunidade de atuar ao lado dos dois, as contratações deram nova configuração ao setor de marcação e têm rendido diversas opções ao comandante. "Hoje, temos quatro titulares para a zaga em condições de jogar. Por isso, acho que na hora certa, o Bauza vai definir quais são os titulares para que a dupla possa encorpar e ganhar entrosamento", avaliou o camisa 3, que completou.

"Os quatro estão firmes e preparados para dar conta do recado. Aos poucos, também temos nos conhecido melhor, porque estamos apenas no começo de trabalho do treinador. Com uma sequência, além do dia a dia no CT, saberemos melhor como o companheiro gosta de se posicionar e atuar. O importante é que todos estão mais confiantes e prontos", acrescentou o marcador revelado no Centro de Formação de Atletas Laudo Natel, Cotia.

Neste início de temporada, Patón já conseguiu dar ao time mais consistência defensiva: em 11 jogos, a equipe sofreu apenas seis gols (média de 0,54 por partida). Foram seis partidas sem levar gol. No Campeonato Paulista, o clube detém a melhor defesa ao lado do Corinthians: quatro tentos sofridos. "Estamos no caminho certo para ter cada vez mais segurança na defesa", finalizou Rodrigo Caio.

E o setor ainda poderá contar, em breve, com mais duas opções: Breno, que se recupera de lesão, e Lyanco, que está na Seleção Sub-19 da Sérvia!