São Paulo F.C



Mais experiente, Wellington retorna ao Tricolor: "Quero ser campeão aqui novamente"

Volante, que nas últimas temporadas esteve emprestado ao Internacional, foi liberado para treinar do clube

comemoração

Por Rubens Chiri/saopaulofc.net

O volante Wellington está de volta ao Tricolor. Revelado nas categorias de base do clube, campeão da Sul-Americana em 2012 e agora mais experiente, o jogador se reapresentou na manhã desta sexta-feira (19) no Centro de Treinamento da Barra Funda e reiniciou a sua trajetória no São Paulo. Nas últimas temporadas (2014 e 2015), ele esteve emprestado ao Internacional e adquiriu mais bagagem antes de voltar e integrar o elenco do técnico Edgardo Bauza.

"Quero agradecer ao presidente, porque deu o aval para o meu retorno, e estou muito feliz com esta nova oportunidade. Mesmo de longe, sempre acompanhei o São Paulo e fiquei na torcida pelo clube. Espero ser campeão aqui novamente", afirmou o jogador, que desde a sua saída da equipe gaúcha, no final de 2015, aprimorava a forma física por conta própria após ser suspenso por doping.

Depois de conseguir a liberação, Wellington agora pode trabalhar normalmente no CT enquanto aguarda o fim da sua punição, no dia 9 de abril. "Aprendi muito neste período. Fiquei mais experiente e, com certeza, agora tenho ainda mais vontade de ganhar", emendou.

Revelado no Centro de Formação de Atletas Laudo Natel, em Cotia, Wellington disputou 169 jogos em sua primeira passagem pelo clube. Ao lado de Denilson, em 2012, formou uma grande dupla de volantes com o camisa 15 e deu força ao sistema defensivo na conquista da Copa Sul-Americana daquele ano.

Seguindo a programação da comissão técnica enquanto não está à disposição de Patón, o meio-campista aproveitará o período para aprimorar a forma física e conhecer melhor o elenco. "Achei que tivesse superado a ansiedade com a lesões que sofri na carreira, mas quando retornei ao São Paulo a ansiedade voltou. Desta vez, com uma vontade enorme de poder jogar de novo pelo clube", acrescentou o jogador, que completou.

"Não quero que nada dê errado, estou com a cabeça no lugar e posso dizer que sou um Wellington mais experiente. Quero seguir um caminho de vitórias, ajudar dentro de campo e ser campeão novamente", finalizou Wellington, que tem contrato até 31 de outubro de 2018.