São Paulo F.C



Goleada para celebrar uma marca especial

Na vitória sobre o Santa Cruz (5 x 0), no Pacaembu, Rodrigo Caio completou 200 jogos pelo Tricolor

4047.jpg

Por Rubens Chiri / saopaulofc.net

Revelado no Centro de Formação de Atletas Laudo Natel, em Cotia, Rodrigo Caio teve uma temporada brilhante: titular absoluto na conquista da inédita medalha de ouro olímpica para o futebol brasileiro, nos Jogos do Rio de Janeiro, além de uma série de convocações para a Seleção Brasileira principal na Copa América e nas Eliminatórias. E na goleada sobre o Santa Cruz (5 x 0) no último final de semana, no Pacaembu, o camisa 3 teve mais um motivo para comemorar.

Diante dos pernambucanos, em confronto válido pela última rodada do Campeonato Brasileiro de 2016, o defensor completou 200 jogos pelo clube. “Muito feliz por atingir esta marca. Nunca imaginei que um dia alcançaria este número, porque é muito difícil chegar no profissional e triunfar. Mas, felizmente, consegui este feito após superar uma série de dificuldades. Completar 200 jogos pelo meu clube do coração é uma alegria muito grande”, festejou o jogador.

Em sua sexta temporada no elenco principal, Rodrigo Caio é superado apenas por Lugano em número de partidas do elenco (201). “Espero jogar ainda mais para tentar ajudar o clube, porque o São Paulo fez muito por mim desde a minha infância. E não tinha forma melhor para coroar estes 200 jogos: a goleada foi especial. Claro que deixamos a desejar na temporada, mas conseguimos terminar bem o ano”, acrescentou.

De acordo com o jogador, todos os 200 jogos peça equipe são-paulina foram especiais. No entanto, um deles é diferente para o zagueiro. “É difícil citar apenas um, porque todos os jogos com a camisa do São Paulo são especiais. Dou o meu melhor sempre. Mas um marcante foi contra o Fluminense (2 x 1) no Campeonato Brasileiro deste ano, no Rio de Janeiro. A gente estava em uma zona de desconforto na tabela, mas conseguimos vencer e demos uma respirada. Fiz o gol da virada, e todo o grupo comemorou a vitória. Foi emocionante”, finalizou.

Parabéns, Rodrigo!