São Paulo F.C



Milton Cruz pretende mesclar o time na 'reestreia'

Interino quer preservar boa parte dos titulares para o mata-mata do Paulistão e a sequência da Libertadores

7986.jpg

Por Rubens Chiri/saopaulofc.net

Com a missão de conduzir o Tricolor de forma interina pela 17ª vez, o coordenador técnico Milton Cruz planeja mudanças em sua 'reestreia' no comando do time são-paulino após a saída do técnico Muricy Ramalho. Nesta quarta-feira (8), às 22h (de Brasília), antes de duelar contra o Red Bull no mata-mata por uma vaga na semifinal do Campeonato Paulista de 2015, o Tricolor receberá a Portuguesa, no Morumbi, pela última partida da fase de grupos do estadual.

Depois, o clube terá pela frente o importante duelo contra o Danubio, no Uruguai, pela Copa Bridgestone Libertadores da América. Por isso, o ex-atacante pretende preservar boa parte dos titulares de olho nos decisivos confrontos que o São Paulo terá pela frente. "Vou utilizar as atividades desta terça para avaliar melhor os jogadores e saber como eles estão fisicamente, porque tivemos dois jogos difíceis com San Lorenzo-ARG e Botafogo-SP", afirmou Milton, que completou.

"A ideia é dar uma mesclada na equipe, porque teremos partidas importantes já a partir do final de semana. Então é fundamental chegar com os atletas bem preparados", acrescentou o membro da comissão técnica, que dirigiu o Tricolor pela primeira vez de forma interina no dia 16 de dezembro de 1999, na vitória sobre o Atlético-PR (2 x 1), no Morumbi, pela Seletiva da Libertadores da América - torneio com times brasileiros para definir uma vaga para a edição de 2000 da competição internacional.

Desde 1997 no clube, o ex-atacante já comandou o São Paulo em 25 jogos. Nesse período foram 11 vitórias, seis empates e oito derrotas. A última partida dele no comando da equipe foi durante a disputa do Torneio Super Series, em Manaus, no início da temporada, no revés para o Flamengo por 1 a 0, na Arena Amazônia.

"Fico chateado com a saída de um grande amigo, como o Muricy, mas vou fazer o meu melhor para o São Paulo conseguir vencer novamente. Essa fase mata-mata do Paulista é importante, assim como a partida contra o Danubio-URU na próxima semana. Quero, mais uma vez, fazer o meu trabalho pelo clube e tentar da melhor maneira possível como sempre fiz", finalizou o coordenador técnico, que diante da Portuguesa não poderá contar com o lateral-esquerdo Reinaldo, suspenso pelo terceiro cartão amarelo no Estadual.