São Paulo F.C



Boschilia se candidata à vaga de Pato no clássico

Sem poder contar com o centroavante no Majestoso, Muricy pode apostar no 'novo camisa 8'

20150226_rummens_boschilia_5398.jpg

Por Site Oficial / saopaulofc.net

Por questões contratuais, o atacante Alexandre Pato não poderá enfrentar o Corinthians no próximo domingo (8), às 16h (de Brasília), no Morumbi, pela oitava rodada do Campeonato Paulista de 2015. A ausência do centroavante abrirá uma disputa no elenco são-paulino, e o jovem Boschilia se candidata à vaga do companheiro. Novo dono da camisa 8, vaga desde a saída de Kaká, o jogador está à disposição do treinador para atuar na frente e aposta nas boas exibições dos últimos jogos para ser o escolhido.

Um dos destaques na goleada sobre o Bragantino (5 x 0), ao balançar as redes duas vezes, o armador revelado no Centro de Formação de Atletas Laudo Natel, em Cotia, entrou bem no duelo com o Rio Claro (0 x 0) e deu cara nova ao sistema ofensivo. De acordo com Boschilia, que já foi testado até como ala com Muricy Ramalho, atuar no ataque com Luis Fabiano não será problema. Ao contrário. O meia está pronto para ajudar.

"O Pato é um jogador mais incisivo. Ele gosta de jogar de frente para o gol, porque é atacante. Eu atuo mais pelo meio, procuro armar as jogadas e deixar os meus companheiros em condições de marcar. Busco as tabelas e chego com surpresa na área, mas o Muricy pode optar por me colocar como um atacante mais aberto, já que eu posso buscar as jogadas em diagonal", avaliou.

Promovido ao time profissional após a disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2014, Boschilia ganhou a confiança do comandante e se firmou no grupo. Versátil, como o técnico gosta, o meio-campista amadureceu rapidamente na equipe principal e assim mostrou que tem condições de herdar o número que era do craque Kaká, atualmente no Orlando City, dos Estados Unidos.

"É uma honra poder usar a camisa 8, que já foi de um ídolo como o Kaká. Espero dar as mesmas alegrias que ele deu para a torcida, porque trabalho muito para isso. Hoje, sou um jogador mais maduro. Não só pela camisa 8, mas pela experiência que eu já tenho no profissional", finalizou o jovem atleta são-paulino, que diante do Rio Claro usou pela primeira vez o novo número - substituindo o 35.

Vale lembrar que além de Boschilia, Muricy tem à disposição Alan Kardec, Ewandro, Jonathan Cafu, Centurión e Thiago Mendes para o Majestoso do próximo domingo. Até lá, o comandante terá a semana inteira para escolher o substituto de Pato, ajustar o time e apontar os perigos do rival para defender a invencibilidade do Tricolor neste início de Paulistão - cinco vitórias e apenas dois empates.