São Paulo F.C



Pato vibra com apoio da torcida e afirma: "É o meu momento"

Atacante foi o grande destaque na goleada sobre o Danubio-URU por 4 a 0 na noite desta quarta-feira (25)

5177.jpg

Por Rubens Chiri/saopaulofc.net

Destaque na goleada sobre o Danubio-URU por 4 a 0 na noite desta quarta-feira (25), no Morumbi, o atacante Alexandre Pato deixou o estádio nos braços da torcida são-paulina, que aplaudiu de pé o camisa 11. No entanto, assim que a bola parou de rolar após duelo válido pela segunda rodada do Grupo 2 da Copa Bridgestone Libertadores, o centroavante fez questão de agradecer o incentivo das arquibancadas e mandou o recado.

"Era um jogo que tínhamos que ganhar. Depois de um resultado ruim, na estreia, nós tínhamos que reagir. Conseguimos, e a torcida nos ajudou. Perder um clássico não é fácil, mas o apoio da torcida foi muito bom, porque nos sentimos mais fortes ouvindo os torcedores cantarem", afirmou Pato, que foi eleito o melhor jogador do confronto.

Inspirado, Pato precisou de apenas três minutos para confirmar toda a expectativa que existia sobre ele antes de a bola rolar. Arrasador, o camisa 11 balançou as redes duas vezes e comandou a primeira vitória do Tricolor na edição 2015 do torneio internacional.

Logo aos três minutos, Michel Bastos deu lindo toque de calcanhar para Reinaldo, que passava em velocidade. O lateral deu um drible por entre as pernas do marcador, foi no fundo e cruzou na medida. Pato, completamente livre, pegou muito bonito na bola e fuzilou o goleiro! Tricolor na frente: 1 a 0. Bela jogada de Reinaldo pela esquerda e conclusão perfeita de Alexandre Pato.

Mais tarde, aos 40 minutos, Souza deu bom passe para Bruno pela direita. O lateral cruzou na medida para Pato, que testou com estilo e colocou no fundo da rede: 2 a 0 e placar final na primeira etapa. "Os gols acontecem naturalmente com o trabalho que a gente vem fazendo. Era isso o que eu precisava: sequência. A sequência que eu queria está acontecendo agora, como foi até sofrer a lesão no ano passado, então estou muito feliz", avaliou o goleador da noite, que completou.

"Libertadores é o jogo da vida, é o sonho de todo jogador. Quero correr e suar bastante, para dar o melhor durante o torneio. Estou trabalhando para dar certo nas horas em que surgirem as oportunidades. Foram ótimos passes do Reinaldo e do Bruno. Vou trabalhar para conseguirmos mais daqui para frente", finalizou o atleta, que fez a sua estreia na competição pelo São Paulo.