São Paulo F.C



Importância pode tirar Denilson do Paulistão

Elogiado por Muricy, camisa 15 comprova nos números a sua eficiência para ajudar o Tricolor

2961.jpg

Por Rubens Chiri/saopaulofc.net

O técnico Muricy Ramalho não confirmou durante a coletiva de imprensa desta sexta-feira (13), no Centro de Treinamento da Barra Funda, mas a tendência é de que o treinador não escale o volante Denilson para o duelo deste sábado (14) contra o Bragantino pela quinta rodada do Campeonato Paulista de 2015. O motivo? A importância do jogador para a Libertadores da América, que começará na próxima quarta (18) para o Tricolor.

"Ele é o que mais corre e mais se dedica. Está em um ótimo momento e, hoje, é nosso melhor jogador. Temos de ter cuidado com ele. O Denilson não se acomoda, ataca o cara o tempo todo e diminui o espaço. Não podemos perder ele para o jogo com o Corinthians", afirmou o treinador durante a conversa com os jornalistas.

Além das palavras do comandante, que já havia elogiado o camisa 15 após o clássico contra o Santos (0 x 0), na Vila Belmiro, os números comprovam a importância do meio-campista. Melhor passador dos Campeonatos Paulista e Brasileiro de 2013, com 97,1% e 96,2% de aproveitamento, respectivamente, e atleta que mais tabelou corretamente no Brasileirão de 2014 - média de 56,1 passes certos por jogo -, Denilson já se destaca este ano.

Com 315 passes certos em quatro jogos do estadual de 2015 (média de 78,8 por partida), o volante é o terceiro jogador mais eficiente no fundamento, atrás apenas de André Casto e Bruno Silva (ambos do Audax).

 E com a mesma habilidade das tabelas, o marcador se destaca nas roubadas de bola. Até aqui, foram 13 desarmes em quatro jogos - média de 3,2 por duelo -, que o colocam como o maior ladrão de bolas do elenco no Paulistão.

Vale lembrar que o confronto no interior paulista, neste sábado (14), às 18h30 (de Brasília), será o último compromisso do clube antes da estreia na Libertadores da América de 2015. Na próxima quarta-feira (18), na Arena Itaquera, o Tricolor ficará frente a frente com o arquirrival Corinthians na rodada de abertura do Grupo 2.