São Paulo F.C



Dever cumprido na Seleção, e foco na retomada do Brasileiro

Na equipe olímpica, que venceu os EUA, Lucão e Rodrigo Caio puderam atuar pela primeira vez juntos na defesa

Lucão

Por Rubens Chiri/saopaulofc.net

Convocados para defender a Seleção Olímpica Brasileira nos amistosos contra os Estados Unidos, no Recife e em Belém, os jovens Lucão e Rodrigo Caio estão de volta ao Tricolor com a sensação do dever cumprido e motivados para reforçar a equipe nesta reta final de temporada 2015, que vale uma vaga na Libertadores da América de 2016. A dupla, que mais uma vez soube aproveitar a oportunidade de defender o país, tem agora a missão de fortalecer o São Paulo no Campeonato Brasileiro.

Enquanto estiveram sob o comando do técnico Rogério Micale - que coordena o projeto Olímpico ao lado de Dunga -, os jogadores revelados no Centro de Formação de Atletas Laudo Natel, em Cotia, deram mais um passo para realizar o sonho de disputar a Olímpiada de 2016, que será disputada no Rio de Janeiro. No primeiro amistoso contra os norte-americanos (2 x 1), na Ilha do Retiro, Rodrigo Caio teve a oportunidade de entrar no decorrer do jogo.

Já na segunda partida entre as seleções, no Mangueirão, a dupla são-paulina foi titular. No primeiro tempo, os visitantes abriram o placar com Marlon (contra). Sem acusar o golpe, o Brasil partiu para cima do adversário e buscou o empate no marcador ainda antes do intervalo. Aos 43 minutos, o atacante Gabriel (do Santos) foi lançado por Rodrigo Caio, que fez bela tabela com Gustavo Scarpa, invadiu a área e finalizou entre as pernas do goleiro Cropper, que nada pôde fazer para impedir que as redes balançassem.

Na segunda etapa, os brasileiros mantiveram o ritmo e construíram o grande resultado. Para poder observar melhor o são-paulino e testá-lo em outra função, Rogério Micale deslocou o capitão do meio de campo para a defesa. Assim, o marcador formou a zaga ao lado de Lucão, como atuam no Tricolor.  Com segurança defensiva e eficiência no ataque, a Seleção decretou a goleada sobre os norte-americanos: 5 a 1.

"Fiquei feliz com a oportunidade de defender o meu país mais uma vez. Pude participar dos dois jogos e mostrar o meu futebol. Agora, quero ajudar os meus companheiros na briga por uma vaga na Libertadores de 2016, porque queremos terminar bem este ano", avaliou Rodrigo Caio, que teve a opinião compartilhada por Lucão.

"Foi uma boa preparação com a Seleção. Todos os jogadores estavam focados, alcançamos o objetivo, que era vencer os dois jogos, e demonstramos qualidade nos amistosos. E para quem almeja uma disputar uma medalha olímpica, isso é muito importante", afirmou o zagueiro, que festejou a chance de poder atuar ao lado do companheiro tricolor na defesa da Seleção Brasileira.

"Tive a felicidade de jogar alguns minutos ao lado do Rodrigo Caio na defesa, algo que ainda não havia acontecido Seleção. Tivemos esta oportunidade, fomos bem e agora queremos dar continuidade no São Paulo, porque o clube está em um momento decisivo da temporada. Vamos com tudo nesta reta final de Campeonato Brasileiro", finalizou.

Após defenderem o país, Rodrigo Caio e Lucão retornarão ao São Paulo e ficarão à disposição do técnico Milton Cruz, que segue preparando o time para a retomada do Campeonato Brasileiro. A competição foi paralisada para os jogos da Seleção Brasileira principal, que disputa as Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. Na próxima quinta-feira (19), no Morumbi, o Tricolor enfrentará o Atlético-MG no retorno da competição nacional.