São Paulo F.C



'Perda importante', diz Muricy sobre Rodrigo Caio

Ruptura do ligamento cruzado do joelho esquerdo tirou defensor do restante da temporada

8740.jpg

Por Rubens Chiri / saopaulofc.net

O técnico Muricy Ramalho falou sobre a perda do defensor Rodrigo Caio para o restante da temporada. Na última segunda-feira, após exame de ressonância magnética, foi diagnosticada uma ruptura do ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, sofrida após um lance na partida contra o Criciúma, no último sábado.

Muricy lamentou o fato de não poder contar com o jogador na sequência a temporada, mas destacou que sente ainda mais pelo momento vivido pelo jovem, de apenas 20 anos, que vinha sendo titular absoluto do setor defensivo são-paulino.

"Claro que é uma perda importante pro time, mas o que mais preocupa é pra carreira dele. É um menino e estava em boa fase, inclusive presente em todas as Seleções de base. Eu tive essa contusão também, é ruim, mas ele já teve uma experiência de lesão no joelho e acho que isso vai ajudá-lo a ter paciência para se recuperar. Temos que destacar também que ele está em um clube que dará toda a assistência necessária para ele se recuperar da melhor forma possível", afirmou.

Apesar de saber da importância de Rodrigo para o time, o comandante são-paulina destaca que o São Paulo tem boas opções para substituir o camisa 3 tanto na zaga quanto no meio-campo, posições nas quais ele vinha jogando.

"Em relação ao time, temos boas opções. O Antonio Carlos retorna, podemos contar com o Edson Silva, e com o Lucão também quando ele voltar da Seleção. Em relação ao meio-campo a mesma coisa, temos jogadores para recompor o setor. Então, não faltarão opções e não teremos problemas", completou o treinador.

Os companheiros de equipe também foram solidários à lesão do jovem defensor. Toda a equipe deixou palavras de apoio a Rodrigo Caio, que será submetido à cirurgia para correção da lesão na próxima quinta-feira. Em entrevista coletiva, Alan Kardec também falou sobre a lesão.

"A maior tristeza da partida (contra o Criciúma) foi o Rodrigo ter se machucado, um jogador muito jovem, dedicado, que vinha numa crescente. A saúde está acima de tudo, perder um companheiro dessa forma deixa todos muito tristes. Temos que dar força pra ele, jogando, lutando muito por ele", declarou.