São Paulo F.C



Souza é absolvido pelo STJD

Volante havia sido julgado, em primeira instância, sendo penalizado por uma partida de suspensão após denúncia feita por imagens

4386.jpg

Por Rubens Chiri / saopaulofc.net

Mesmo antes de entrar em campo, o São Paulo FC conquistou uma vitória nesta quarta-feira (20). No início desta tarde, no Rio de Janeiro, Souza foi absolvido no Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), após ser punido em uma partida pela Primeira Comissão Disciplinar. O volante está livre para atuar pelo Campeonato Brasileiro.

Souza havia sido julgado no dia 28 de julho, em primeira instância, sendo penalizado por uma partida de suspensão após denúncia feita por imagens. Na partida diante da Chapecoense (1 x 0), no dia 19 de julho, o jogador havia sido advertido apenas com cartão amarelo pelo árbitro Felipe Gomes da Silva, em uma dividida. Porém, a procuradoria achou que o juiz não o advertiu de forma correta, levando o meio-campista para o banco dos réus.

Acreditando que não houve qualquer atitude antidesportiva, o São Paulo FC entrou com efeito suspensivo e recorreu ao caso, que foi julgado na tarde desta terça-feira, dia 20, em última instância, no Pleno. Com a presença do jogador e defesa do advogado Tricolor, Alexandre Miranda, o camisa 5 foi absolvido no artigo 254 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) - "Praticar jogada violenta".

Apesar da absolvição, o volante já não estava à disposição do técnico Muricy Ramalho para a partida desta noite, em Porto Alegre, diante do Internacional. Souza recebeu o terceiro cartão amarelo diante do Palmeiras (3 x 1) e poderá voltar ao time apenas no clássico contra o Santos, no domingo, dia 24 de agosto, no Morumbi.