São Paulo F.C



"Não dá para abrir mão. São competições importantes"

Muricy levará o que tem de melhor para o duelo contra o Vitória no próximo domingo (9)

DSC_0805.JPG

Por Site Oficial / saopaulofc.net

Na briga por títulos nesta reta final da temporada 2014, apesar da intensa maratona de jogos e viagens, o Tricolor levará o que tem de melhor para o duelo contra o Vitória neste final de semana e, assim, lutará para manter a caça ao líder Cruzeiro no Campeonato Brasileiro. Durante a coletiva de imprensa desta sexta-feira (7), no Centro de Treinamento da Barra Funda, o treinador afirmou que o elenco viajará com força máxima para Salvador.

"É nossa cultura. Se você diz que vai priorizar uma competição, alguém fica bravo, patrocinador, a TV reclama. Não dá para priorizar. Se usa essa palavra, priorizar ou poupar, está condenado a pegar prisão, porque vocês determinam isso. A gente vai jogar as duas competições da maneira que acha melhor. Não dá para abrir mão, as duas são muito importantes. Não temos plantel numeroso", avaliou o comandante, que completou.

"Vamos ter que saber levar da melhor maneira possível as duas. Não dá para repetir o time, porque está no limite. Mas temos de jogar duas competições, pode prejudicar uma ou a outra, mas não tem jeito. Estamos pensando", completou o treinador, que está preocupado com o volante Souza. Homem de confiança do técnico no meio de campo, o camisa 5 tem sofrido com dores no púbis e desgaste muscular.

Por isso, Muricy não descarta preservar o marcador.  "Acaba o jogo e precisa reunir para ver essa possibilidade. O que nos preocupa muito é o Souza. Vamos ver alternativas de alguém que saia para o jogo e não tem. Posso improvisar Lucão, mas não tem saída. É uma preocupação. Talvez o Michel Bastos, que é versátil, marca e sai para o jogo", opinou.

A alternativa do comandante, então, será esperar para revelar a escalação do time apenas momentos antes de a bola rolar na Bahia. "Temos de esperar. Estamos muito perto do limite de ter mais contusões. Vamos dar tempo para os jogadores descansarem e sentir de cada um se tem condições de jogar. Temos de estar bem fisicamente. Vamos olhar com carinho, mesclar", finalizou.