São Paulo F.C



Rival especial

Contra a Ponte Preta, nesta quinta-feira (12), Denilson reencontrará o seu adversário na estreia pelo Tricolor

2457.jpg

Por Rubens Chiri/saopaulofc.net

Totalmente recuperado após passar por cirurgia para correção de lesão no menisco lateral do joelho direito, HCor (Hospital do Coração), em São Paulo, no dia 25 de julho, o volante Denilson poderá ser uma das novidades do técnico Muricy Ramalho para o duelo contra a Ponte Preta, nesta quinta-feira (12), no Morumbi, na reestreia do novo comandante tricolor. E, curiosamente, um mês depois de ficar se recuperando, o camisa 15 poderá reencontrar um rival especial.

Foi contra a equipe campineira, no dia 2 de julho de 2005, que o meio-campista defendeu as cores do São Paulo pela primeira vez e pôde mostrar o seu futebol. Agora, à disposição técnica e testado no setor ao lado de Maicon, no treino da última terça-feira (10), o jogador quer fazer bonito para ajudar o Tricolor no Campeonato Brasileiro de 2013.

"Será um jogo mais especial do que nunca. Até pelo momento que estamos vivendo, porque quero ajudar ainda mais nessa partida contra a Ponte Preta. Espero poder ajudar e, mesmo depois de um mês me recuperando, buscar essa vitória para o São Paulo. Vamos nos reerguer novamente na competição", afirmou o atleta, de 25 anos, que está na sua passagem pelo clube e renovou o seu contrato com o clube até dezembro de 2017.

Nas atividades de ontem, no Centro de Treinamento da Barra Funda, Muricy armou o setor de marcação do time com Denilson e Maicon. Assim, o São Paulo ganhou mais mobilidade e saída de bola. "Achei uma parceria muito boa. O Maicon é um jogador de qualidade e costuma acertar os passes. Essa, aliás, é uma das características dele. Espero que a gente possa fazer um grande jogo, porque precisamos ganhar de qualquer forma. Será o nosso primeiro passo para sair dessa situação", completou Denilson.