São Paulo F.C



Adaptado a Londres, Bruno Uvini mira os Jogos Olímpicos

Zagueiro, que está no Tottenham, foi pré-convocado pelo técnico Mano Menezes

Da pacata Capivari para a agitada Londres. O que poderia ser um choque cultural foi encarado com muita naturalidade pelo zagueiro Bruno Uvini. Há um mês no Tottenham, da Inglaterra, o são-paulino já se considera um cidadão inglês e enaltece a rápida adaptação.

"Foi tudo muito rápido. Me adaptei ao estilo de jogo, ao clima e à língua, pois aqui tudo é muito diferente. Eu ter me adaptado rápido foi determinante para estar conseguindo ir muito bem aqui", ressaltou Bruno Uvini.

O jogador sempre foi uma pessoa antenada. Por muitas vezes, durante um treino e outro no CT da Barra Funda, Uvini aproveitava para ler um livro ou ver notícias na internet para estar informado sobre as principais notícias do mundo.

Em Londres, nas folgas, Bruno já visitou os pontos turísticos de Londres, como o famoso Big Ben e London Eye, entre outros. Além disso, o fato de a cidade contar com diversos brasileiros tem ajudado. No clube, o zagueiro se tornou muito amigo do volante Sandro.

"Estou gostando demais. A cidade é muito bonita e já visitei todos os pontos turísticos. Dá para perceber que também tem muita diferença de povos aqui. É uma mistura do mundo todo. Sempre encontro com brasileiros andando na rua e param para conversar", completou Bruno.

O aprendizado tem sido também dentro de campo. Bruno Uvini elogia a qualidade do elenco do Totttenham, que conta com jogadores como Adebayor, Van Der Vaar, Bale, além dos brasileiros Sandro e Gomes.

"Os jogadores aqui me receberam muito bem. Os treinadores também têm me apoiado bastante. Os jogos e amistosos são em um nível altíssimo, e treinar com estes grandes jogadores só me faz crescer", disse o são-paulino.

E Bruno Uvini sabe que terá de manter um bom futebol para alcançar seu principal objetivo, que será disputar a Olimpíada em Londres neste ano. Ele está na lista dos pré-convocados por Mano Menezes. Em 2011, o zagueiro foi o capitão da Seleção Sub-20 nas conquistas do Sul-Americano e Mundial.

"Estou vivendo o dia a dia aqui de Londres e os Jogos Olímpicos estão por toda parte. Será um sonho poder disputar. Tenho de continuar trabalhando muito, pois sei que o Mano está de olho. Espero estar na lista definitiva e ser campeão em Wembley (estádio), que já tive a oportunidade de conhecer também", concluiu o zagueiro.