São Paulo F.C



Rodrigo Caio amadurece e diz: "Não tenho medo de responsabilidades"

Volante, que entrou em jogos difíceis, mostrou seu valor no time do Tricolor

sprodrigocaio_lp_2302122.jpg

Por Luiz Pires/VIPCOMM

O volante Rodrigo Caio foi promovido para o elenco profissional do São Paulo em 2011 com apenas 17 anos. Apesar de novo, o garoto teve de aprender rápido como era a vida de "gente grande". Desde a sua estreia, o jogador precisou superar as adversidades em momentos complicados para o Tricolor.

O primeiro jogo foi na derrota para o Corinthians por 5 a 0, no Campeonato Brasileiro do ano passado. Surpresa na escalação inicial, Rodrigo Caio teve de suprir o fato de atuar com um a menos e mostrar que tinha futebol para estar na equipe principal, apesar do revés no Majestoso.

Ainda pelo Brasileiro, outras duas situações que mostraram que o novato estava amadurecendo. Na vitória sobre o Bahia por 3 a 0, no Morumbi, o então técnico Adilson Batista só tinha Rhodolfo à disposição para o sistema defensivo e teve de improvisar Rodrigo Caio no setor. Mesmo com dores no joelho, ele suportou até o fim e saiu de campo aplaudido.

Já de volta à sua posição, o volante foi titular na vitória sobre o Figueirense por 2 a 1, em Florianópolis. Neste duelo, Adilson Batista teve nada menos do que 11 desfalques. Momentos que, apesar de difíceis, serviram de aprendizado para Rodrigo Caio.

"Subi muito novo e fiz minha estreia muito jovem também. Estou aprendendo muito a cada jogo. Procuro ajudar, evoluir e vou estar à disposição sempre. É complicado entrar num jogo como o diante do Palmeiras, mas entrei com personalidade. Não tenho medo de responsabilidades. Vou procurar meu espaço", disse Rodrigo Caio, que tem 10 jogos no profissional.

Mais maduro, o volante se vê pronto para disputar uma vaga entre os titulares. Com Wellington e Fabrício, no REFFIS, além de Casemiro e Denilson, pendurados, ele acredita que sua chance está chegando.

"É uma disputada sadia entre a gente. Estou esperando uma oportunidade e o mais importante é ver que estou evoluindo, tanto fisicamente quanto psicologicamente. Uma hora a chance vai aparecer. Tem dois jogadores no REFFIS e outros dois pendurados. Tenho de estar preparado para jogar sempre", concluiu o garoto, hoje com 18 anos.

Confira alguns duelos do guerreiro:

  • Corinthians 5 x 0 São Paulo

Com apenas 17 anos, Rodrigo Caio fez a estreia no time profissional do São Paulo. Apesar da derrota para o rival, o garoto foi titular e mostrou personalidade em campo.

  • São Paulo 3 x 0 Bahia

Na vitória por 3 a 0 sobre o time baiano, Rodrigo Caio teve de atuar improvisado na zaga. Mesmo com dores no joelho, ele seguiu em campo e terminou o jogo aplaudido.

  • Figueirense 1 x 2 São Paulo

O Tricolor enfrentou o Figueirense, em Florianópolis, com 11 desfalques. O volante Rodrigo Caio foi titular e atuou os 90 minutos.

  • São Paulo 2 x 1 Atlético-MG

No milésimo jogo do goleiro Rogério Ceni, Rodrigo Caio jogou pela primeira vez com o Morumbi lotado. 60.514 torcedores estiveram no estádio para apoiar o time.

  • São Paulo 0 x 0 Corinthians

No reencontro com o adversário da estreia, o garoto entrou no segundo tempo na vaga de Piris.

  • São Paulo 3 x 1 Paulista

Pela primeira vez desde que foi promovido, Rodrigo Caio, que já havia atuado como zagueiro e volante, foi improvisado na lateral direita.

  • Palmeiras 3 x 3 São Paulo

No clássico do último domingo, Rodrigo entrou aos 15 minutos do segundo tempo no lugar de Casemiro. A partida estava empatada em 2 a 2.