São Paulo F.C



Sub-17 do São Paulo é campeão na Inglaterra

Tricolor bateu Porto, Manchester United e Sheffield, levando o título do Desafio Pelé

O São Paulo conquistou nesta quinta-feira (08) mais um importante troféu para sua extensa galeria de títulos.

 

O time Sub-17 do Tricolor venceu o Desafio Pelé de Futebol Internacional, torneio que reuniu o Sheffield United, o Manchester United e o FC Porto, na cidade de Sheffield, na Inglaterra.

 

O torneio foi uma comemoração pelos 150 anos do Sheffield FC, clube de futebol mais antigo do mundo.

 

Hoje, na última partida do torneio, o São Paulo bateu o Sheffield United por 2 a 0 no estádio Bramall Lane.

 

A equipe já havia entrado em campo com o título nas mãos, já que no jogo anterior, o Manchester United havia vencido o Porto por 4 a 0, acabando com as chances dos outros clubes de alcançarem o mesmo número de pontos do Tricolor.

 

O São Paulo já havia vencido o Porto por 3 a 0 na estréia e o Manchester United por 4 a 1 no segundo jogo.

 

Na premiação, o presidente Juvenal Juvêncio recebeu das mãos de Pelé o troféu do torneio e depois repassou junto com o Rei do Futebol o mesmo aos jogadores e a comissão técnica.

 

A festa terminou com a partida entre Internazionale de Milão e Sheffield FC, que contou com 19.500 pessoas no estádio Bramall Lane, o mais antigo do mundo.

 

O jogo

 

Mesmo com o título assegurado, o São Paulo não se deu por satisfeito e desde o início da partida buscou o resultado positivo.

Como o campo do Bramall Lane é maior do que o utilizado nos dois jogos anteriores - o da academia do Sheffield - o time brasileiro teve mais espaços para jogar e demonstrar sua qualidade.

 

No começo do jogo, quem deu o tom da partida foi o meio-campista Rafael. Com muita qualidade e precisão nos passes, o jogador articulava todas as jogadas do São Paulo.


Foi assim aos 8min quando lançou Renato, que chutou forte para boa defesa do goleiro do time inglês e aos 12min, quando deixou Zenon na cara do gol, mas após leve conclusão do meio-campista são-paulino a bola carinhosamente saiu por sobre o gol.

 

A equipe inglesa levou perigo pela primeira vez aos 13min, em chute de fora da área do capitão Adam Chapman, que o goleiro Everson defendeu bem.

 

Aos 16min, o volante Wellington (lembra muito Mineiro, hoje no Hertha Berlim), ajeitou para Ronielli, que virou sobre o zagueiro e chutou com perigo, mandando a bola a esquerda do gol.

 

No lance seguinte, novamente em jogada de Wellington, Júlio Cezar saiu cara a cara com o goleiro, mas após o chute do atacante a bola preciosamente bateu na trave.

 

Muito superior em campo, o time brasileiro abriu o placar aos 21min. O meio-campista Rafael lançou Zenon na área. O jogador teve calma e categoria para tocar por sobre o goleiro e fazer o primeiro gol do São Paulo.

 

A equipe ainda criou mais uma chance no primeiro tempo após bom cruzamento de Renato e cabeçada de Júlio Cezar, mas ninguém chegou para completar.

 

Em busca de uma vitória diante de sua torcida, o Sheffield United começou a segunda etapa pressionando, mas sem conseguir levar perigo a meta brasileira.

 

A primeira chance veio em chute de Sean Gordon, que mandou a direita do gol de Richard, que no intervalo substituiu Éverson pela primeira vez nesta competição.

 

No começo da segunda etapa o técnico Zé Sérgio fez outras duas alterações, colocando Gilberto e Oscar nos lugares de Rafael e Zenon.

 

Com desenvoltura, o São Paulo não demorou para conseguir o segundo gol. Aos 12min, Oscar avançou pela esquerda, cortou a marcação e bateu forte. A bola ainda desviou na zaga antes de morrer no fundo das redes do gol inglês.

 

Três minutos depois o camisa 10 do Tricolor voltou a levar perigo em cobrança de falta que o goleiro Kang Ho Lee, que por um tempo treinou no CFA de Cotia, mandou para escanteio.

 

Aos 18min foi a vez de entrarem o atacante Henrique e o zagueiro Paulo Ricardo, nos lugares de Júlio Cezar e Bruno Silva.

 

Dois minutos mais tarde Ronielli chutou cruzado, Henrique pegou rebote e quase fez seu segundo gol na competição, mandando a bola a esquerda do gol.

 

Uma entrada violenta do volante Adam Chapman no meio-campista Gilberto tirou o jogador são-paulino da partida, mas apesar de um homem a mais e de toda a pressão, a equipe inglesa não conseguiu diminuir a vantagem do Tricolor, que venceu por 2 a 0 e acabou o Desafio Pelé de Futebol Internacional com três vitórias.

 

São Paulo

Everson (Richard); Bruno Silva (Paulo Ricardo), Paulo Vinicius, Fabiano e Renato; Wellington, Bruno Formigoni, Rafael (Gilberto) e Zenon (Oscar); Ronielli e Júlio Cezar (Henrique).

Técnico: Zé Sérgio

Gols: Zenon aos 21min do primeiro tempo e Oscar aos 12min do segundo tempo.
Local: Estádio Bramall Lane - Sheffield (ING).


Campanha Tricolor em Sheffield

 

Data

Placar

Adversário

Local

Gols

6/nov

3 x 0

FC Porto

Academia Sheffield

Júlio Cezar, Wellington e Renato

7/nov

4 x 1

Manchester United

Academia Sheffield

Júlio Cezar (3) e Henrique

8/nov

2 x 0

Sheffield United

Bramall Lane

Zenon e Oscar