São Paulo F.C



Domingo de San-São no Brasileirão Feminino

Tricolor encara o líder o campeonato em busca de três pontos e consolidação no G8

07.jpg

Por Anderson Rodrigues / saopaulofc.net

Passada a ansiedade da reestreia após a pausa por conta da pandemia da Covid-19, o São Paulo terá a missão de parar o Santos, atual líder do Campeonato Brasileiro Feminino. A partida está marcada para este domingo (6), às 14h, na Arena Barueri, sem presença de público, porém com transmissão da tv Bandeirantes e do Twitter @BrFeminino. O Tricolor busca a vitória para se consolidar no grupo de classificação, estando em oitavo no momento, o limite da zona de times que passam para a próxima fase.

Depois de mais de cinco meses sem jogos oficiais e treinando juntas, as atletas do São Paulo superaram as adversidades próprias, como entrosamento e falta de ritmo com bola, assim como o adversário, o Minas Icesp/DF, vencendo por 2 a 0, em Cotia, com gols de Glaucia e Gislaine. A vitória foi importante para colar o Tricolor entre os times da ponta da tabela.  

“Começamos enferrujados, não tivemos um bom rendimento nos 20 primeiros minutos, mas, a partir do momento que conseguimos colocar a bola no chão e trocar mais passes, dominamos, encaixamos melhor o time e o resultado veio. Podíamos ter acertado mais finalizações, então trabalhamos firme na semana essas trocas de passes e finalizações para não desperdiçar as chances que aparecerem no clássico, que temos certeza que será um grande jogo”, analisou Piccinato.

Diante do Minas, o Tricolor entrou em campo sem Duda e Dani, que estavam cumprindo suspensão automática, por terceiro amarelo e expulsão, respectivamente. A camisa 10 e a lateral voltam a ficar à disposição de Lucas Piccinato, que terá que mexer novamente no time. A atacante Carol levou o terceiro cartão amarelo diante do Minas, enquanto a zagueira Thaís Regina foi expulsa.

“O campeonato é assim, vamos ganhando e perdendo peças, seja por lesão ou cartão. A gente lamenta muito por não poder contar com a Thais e a Carol, que fizeram grande partida, não só nessa retomada como antes. Mas temos um elenco bom para suprir as ausências e sair com a vitória no clássico”, disse o técnico, confiando na força do elenco, que conta com 28 atletas, sendo sete vindas da base, 13 remanescentes da temporada passada e oito contratadas para temporada 2020.