São Paulo F.C



Com gol nos minutos finais, São Paulo empata com o Flamengo pela semi do Brasileiro Sub-17

Tricolor lutou até o fim e conseguiu evitar a derrota em Cotia

Em uma partida emocionante até o apito final, o São Paulo lutou e ficou no empate em 3 a 3 com o Flamengo, em duelo válido pelo primeiro jogo da semifinal do Campeonato Brasileiro Sub-17. A partida foi realizada no estádio Marcelo Portugal Gouvêa, no CFA de Cotia.

CONFIRA MAIS FOTOS DA PARTIDA

O jogo da volta será no próximo sábado, dia 31, às 14h, na Gávea, no Rio de Janeiro. Para se classificar, o time comandado pelo técnico Menta precisa vencer vencer a partida por qualquer resultado. Se empatar novamente, a disputa será nos pênaltis.

O Tricolor iniciou o jogo com tudo. Logo aos 2 minutos, Rodriguinho cobrou escanteio, a defesa do Flamengo afastou e a bola sobrou na entrada da área para Kayque Ryann encher o pé, bater cruzado e abrir o placar para o time da casa.

Empolgado, a equipe comandada por Menta não diminuiu o ritmo e se manteve intenso no ataque. Aos 12, Kayque Ryann apertou a saída do campo de bola do Fla, recuperou e tocou para Caio, que só teve o trabalho de bater firme para ampliar a vantagem.

Dois minutos depois, quase o terceiro. Caio desviu cruzamento e quase enganou o goleiro, mas a bola foi para fora. Com o passar do tempo, o Flamengo conseguiu se aventurar ao ataque e virou o jogo com gols aos 26, aos 34 e aos 40.

Com a surpreendente derrota de virada, o Tricolor voltou melhor para a segunda etapa. O técnico Menta apostou em Luizinho no lugar de Mateus Amaral e a equipe passou a pressionar o rival carioca. Newerton, Caio e Luizinho tiveram chances de empatar a partida.

Mostrando muita dedicação, o Tricolor lutou até o fim e aos 44, Eduardo Brito aproveitou falha da defesa e empatou o jogo, deixando a decisão igual para a próxima quinta-feira.

São Paulo

Leandro; Ythallo, Moreira e Negrucci; Kayque Ryann (Marcos Brito, 42/2T), André (Eduardo Brito, 16/2T), Mateus Amaral (Luizinho, intervalo), Rodriguinho (Cauã, 36/2T) e João Douglas; Caio e Newerton

Técnico: Menta