São Paulo F.C



Sub-17 perde pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro

Tricolor enfrentou o Corinthians fora de casa e não conseguiu o resultado positivo

Após vencer o Bahia em casa na estreia do Campeonato Brasileiro, o São Paulo fez a primeira partida longe de Cotia. Na tarde desta terça-feira (23), a equipe foi ao Parque São Jorge enfrentar o Corinthians e acabou derrotada por 2 a 1, gol tricolor feito por Juan. 

O jogo começou sem muitas emoções, com as equipes cautelosas em tentar o ataque. Aos 19 minutos, o rival abriu o placar, mas não demorou para o Tricolor descontar. Com 25 da primeira etapa, Vinícius fez o passe para Juan, que driblou o zagueiro e finalizou forte. Em seguida, Pagé fez passe de calcanhar para Cachoeira, que chutou, a zaga desviou. Na sobra, o atacante tentou de novo, mas o lance saiu fraco e ficou com o goleiro. 

No intervalo, o técnico Rafael Paiva fez a primeira mudança, e foi na lateral-direita: Vinícius saiu para a entrada de Nathan. Aos sete minutos, novamente o adversário ficou à frente no placar. O Tricolor buscou novamente o gol de todas as formas, mas estava difícil empatar. O rival teve um jogador expulso aos 14 minutos, e logo técnico tricolor fez mais mudanças. Aos 21 minutos, Léo e Maioli entraram nos lugares de Théo e Pagé. 

Os são-paulinos seguiram insistindo e ficaram a maior parte do tempo no campo ofensivo. Rafael Paiva deixou o time mais focado no ataque com as entradas de Talles, Palmberg e Max nas vagas de Cauê, Gabriel e Pedrinho. Apesar de chegar algumas vezes, principalmente pelos lados, faltou a finalização certeira, e o Tricolor voltou para casa sem pontuar.

O próximo compromisso do São Paulo pelo Campeonato Brasileiro será na quinta-feira da próxima semana, dia 02 de maio. O time volta a jogar em Cotia, e recebe a Chapecoense pela terceira rodada. Antes do Nacional, os garotos enfrentam o Taboão da Serra pelo Campeonato Paulista, em Cotia. A partida será no sábado (27), às 11h, com entrada livre para os torcedores. 

São Paulo: Young; Vinícius (Nathan, no intervalo), Luizão, Belém e Gabriel (Palmberg, 36min/2ºT); Théo (Léo, 21min/2ºT), Pedrinho (Max, 36min/2ºT), Pagé (Maioli, 21min/2ºT), Cachoeira, Cauê (Talles, 26min/2ºT) e Juan
Técnico: Rafael Paiva