São Paulo F.C



Sub-20 sai atrás na abertura das semifinais do Paulista

Tricolor faz grande jogo no Morumbi, mas sofre derrota para o Palmeiras

O time júnior do Tricolor começou as semifinais do Campeonato Paulista na manhã deste domingo (03). A equipe recebeu o Palmeiras no Morumbi e fez uma grande partida, mas não conseguiu marcar e sofreu um revés: 1 a 0.

Os são-paulinos começaram bem o jogo e deram trabalho para o rival. O Tricolor até saiu na frente, com Diego, mas a arbitragem marcou uma falta inexistente (os jogadores do Palmeiras trombaram) e anulou o gol. Mesmo revoltados pelo lance, os garotos não tiraram o pé e tiveram ótimas oportunidades de abrir o placar. 

A melhor chance da primeira etapa saiu dos pés de Gabriel Sara. O meia tabelou com Fabinho, pela esquerda, e finalizou na trave! Na sequência, Rodrigo Nestor roubou a bola e mandou a bomba de fora da área, o goleiro conseguiu espalmar. Pouco tempo depois, nova bola na trave, agora com Fabinho em jogada pela direita. Ainda houve uma bola tirada em cima da linha pelo goleiro, e a primeira etapa terminou sem gols. 

Durante o intervalo, o técnico Orlando Ribeiro fez duas mudanças na equipe: entraram Ricardinho e Vitinho nos lugares de Kevin e Fabinho. Em lance de bola parada, oPalmeiras conseguiu sair na frente antes dos dez minutos, e o Tricolor foi pra cima em busca do empate. 

Com Gabriel Sara, de cabeça, o São Paulo quase empatou. Foi do meia também uma boa chance em chute cruzado, e por pouco ele não marca após completar o cruzamento feito por Vitinho, desviado para escanteio. Mesmo sob forte calor, o São Paulo não diminuiu o ritmo, mas não conseguiu marcar.

O jogo de volta acontece na segunda-feira (11), às 19h, no estádio do Pacaembu. Por ter mando palmeirense, o confronto terá entrada apenas da torcida rival. Os são-paulinos podem torcer pelo Tricolor pela DAZN.

São Paulo: Thiago Couto; Caio (Rafael, 35min/2ºT), Diego, Fasson e Welington; Marcos Jr, Rodrigo Nestor (Matheus, 41min/2ºT), Kevin (Ricardinho, no intervalo), Gabriel Sara (Ed Carlos, 35min/2ºT), Galeano (Maia, 25min/2ºT) e Fabinho (Vitinho, no intervalo)
Técnico: Orlando Ribeiro