São Paulo F.C



Sub-17 fica com o vice-campeonato da Copa do Brasil

Tricolor foi derrotado pelo Palmeiras jogando no Pacaembu na tarde desta quarta-feira (02)

Na tarde desta quarta-feira (02), o São Paulo enfrentou o Palmeiras pelo segundo jogo da decisão da Copa do Brasil Sub-17. Os tricolores lutaram, mas não conseguiram levar o título ao perderem para o rival por 2 a 0. Na primeira partida, disputada no Morumbi, o Tricolor venceu por 3 a 2.

Até essa partida, o São Paulo tinha vencido todos os jogos na Copa do Brasil e termina o campeonato com oito vitórias e uma derrota. A equipe venceu a competição na primeira edição, em 2013.

Sem Talles, suspenso, e Juan, machucado, o técnico são-paulino não teve força máxima; porém, a equipe contou com o retorno de Luizao, que estava suspenso no primeiro jogo. 

Aos oito minutos, o Palmeiras conseguiu o primeiro gol. A resposta são-paulina veio com Léo, aos 12 minutos. Ele ficou com a bola no meio, levou para a direita e finalizou por cima do gol. Aos 22, Flávio arriscou de longe, o goleiro soltou e, por muito pouco, Talles Wander não chega para finalizar. Mais uma bola venenosa saiu dos pés de Flávio, aos 25, mas por cima da meta. Nos minutos finais, mais um chute de longe, agora de Léo, raspou a trave.

Na volta para o segundo tempo, o São Paulo teve duas mudanças: entraram Patryck e Cachoeira nas vagas de Guilherme e Gabriel. Em busca do gol, o time não perdeu tempo, e antes do primeiro minuto já incomodou o rival com chute de Talles Wander, que passou por cima do gol.

Mas a partida estava complicada, e mesmo insistindo, o Tricolor teve poucas chances. Rafael Paiva mudou novamente a equipe com João Adriano, Theo e Caue, para dar ainda mais força ao ataque. Com 26, Caue teve boa chance após confusão na área, mas a bola ficou com o goleiro. Cachoeira, em chute frontal, quase marcou - o lance passou perto do travessão. 

O Tricolor volta a campo já no próximo sábado (05), quando enfrenta o Mirassol, no interior paulista. A partida é válida pela quinta rodada da terceira fase, e será às 11h.

São Paulo: Young; Flávio (Nathan), Guilherme (Patryck, no intervalo), Luizão e Gabriel; (Cachoeira, no intervalo), Pablo, Léo, Pedrinho, Pagé, Marquinhos e Talles WanderTécnico: Rafael Paiva