São Paulo F.C



São-paulinos vibram com segunda final consecutiva da Copinha

Assim como em 2018, Tricolor vai disputar o título do torneio de base mais tradicional do Brasil

sp.jpg

Por Celio Messias/saopaulofc.net

O São Paulo superou o Guarani na noite desta terça-feira (22) e garantiu vaga na decisão da Copa São Paulo de Futebol Júnior pelo segundo ano consecutivo. Com placar maiúsculo de 5 a 2, os tricolores mostraram autoridade na semifinal e conseguiram derrubar um dos invictos do torneio – o time de Campinas ainda não havia perdido nesta edição.

Mesmo sem o artilheiro da equipe e da competição, Gabriel Novaes, suspenso, não faltaram gols são-paulinos na semifinal. Autor de dois deles, o atacante Antony celebrou muito a atuação tricolor. O camisa 7 destacou o trabalho dos são-paulinos durante todo o torneio, trabalho esse que culminou no bom desempenho dos garotos de Cotia na reta final da disputa. 

“Não tem o que falar desse grupo, todos estão de parabéns pelo que fizeram na Copinha. Os trabalhos, os treinamentos, só tenho a agradecer por fazer parte dessa equipe. Apesar de fazer dois gols, fico mais feliz pela vitória e pela classificação pra final, não importa quem faz o gol, a classificação pra final é mais importante”, afirmou o camisa 7, que já está integrado ao time profissional, mas que reforça o Tricolor Sub-20. 

Capitão da equipe, Diego se superou. Apesar de sentir um desconforto muscular ainda no primeiro tempo, o defensor permaneceu no gramado durante a maior parte do jogo e ajudou muito o time tanto na bola quanto na experiência. O camisa 4 também destacou a importância de a equipe disputar mais uma final. 

“Fizemos um grande jogo hoje e temos que celebrar estar mais uma vez na final. O Guarani é uma grande equipe, sabíamos disso, e viemos para o campo com muita seriedade para conseguir essa vaga, estamos muito felizes por termos conseguido esse primeiro objetivo”, completou.

O rival do Tricolor na Copinha será o Vasco, que venceu o Corinthians na semifinal. A decisão da Copa São Paulo será na sexta-feira (25), às 15h30, no estádio do Pacaembu.