São Paulo F.C



Treinador do Sub-17 faz balanço do título no Japão

Rafael Paiva destaca campanha vitoriosa e repleta de goleadas na J League Challenge Cup

A equipe juvenil do Tricolor viajou ao Japão para disputar a J League Challenge Cup, torneio organizado pela liga japonesa de futebol, e voltou ao Brasil com mais um título para as categorias de base do clube, que já somam 61 conquistas nas Era Cotia. 

Além do troféu, o desempenho são-paulino no torneio chamou atenção: foram seis vitórias em seis partidas, com 28 gols feitos e só quatro sofridos. O time teve também o artilheiro do torneio (Vitinho, com sete gols) e o melhor jogador (Antony), além de jogar um futebol de encher os olhos. 

O técnico são-paulino, Rafael Paiva, falou sobre a disputa do outro lado do mundo. Ele ressaltou a entrega dos garotos à competição, que foi aconteceu em apenas três dias (foram disputadas duas partidas por dia), e disse que o desempenho foi mais que satisfatório em relação ao que a comissão técnica esperava.

“Nosso desempenho foi muito satisfatório, conseguimos fazer seis jogos de um nível muito bom. O time conseguiu jogar um futebol muito bem jogado, organizado, um futebol bonito, leve, com gols bonitos, jogadas construídas, lances individuais, e desempenhamos a nossa proposta muito bem. Além dos resultados, construímos um saldo de gols bom e o título veio com um futebol bonito, o que nos deixa muito felizes”, disse o treinador. 

Rafael Paiva também valorizou o fato de o Tricolor ter tido contato com novas escolas, que trazem desafios diferentes ao time em relação à forma de jogar. O Tricolor enfrentou, além dos japoneses do Shonan Bellmare, Oita Trinita e Cerezo Osaka, os espanhóis do Real Sociedad e os sul-coreanos do Suwon Samsung.

“Enfrentamos formas de jogar distintas, e a resposta foi muito boa, conseguimos superar essas novidades e voltamos com atletas evoluídos. Os adversários japoneses são muito organizados, mas ainda falta finalizar as jogadas melhor. Já os coreanos eram fortes e deixaram os jogos muito difíceis, especialmente a final. Os espanhóis têm um jogo de qualidade técnica, bons talentos individuais”, finalizou.

A equipe volta ao Brasil na noite de quinta-feira, e no sábado (22), pela manhã, já volta a atuar. O São Paulo enfrenta a Ponte Preta pela terceira rodada da terceira fase do Campeonato Paulista. O jogo acontece às 11h, em Águas de Lindóia, com entrada livre para a torcida.