São Paulo F.C



Antes de mais uma decisão, Orlando Ribeiro visa recuperação do elenco

Após classificação para às quartas de final da Copa RS, contra o Corinthians, técnico foca em descanso, regenerativo e cuidados médicos com os atletas

FENX8754.jpg

Por Everton Silveira/saopaulofc.net

São Paulo e Independiente, da Argentina, chegaram a última rodada da primeira fase com chances de avançar às quartas de final e eliminar o adversário. Ao Tricolor cabia o empate ou a vitória, enquanto aos estrangeiros só poderiam sair com os três pontos. Franco atirador, os adversários engrossaram a marcação e a pressão desde o início da partida, o que deu resultado ainda no primeiro tempo. No segundo, o time de Cotia mudou sua postura e com gol de Gabriel Novaes chegou ao 1 a 1, mantendo viva a chance do tetracampeonato da Copa RS para o time paulista.

A partida surpreendeu a muitos pela dificuldade imposta pelo time argentino no primeiro tempo e pelo gol feito por Ortega, mas não ao técnico são-paulino. “Nós esperávamos realmente um jogo difícil. No primeiro tempo os nossos atletas estavam um pouco assustados, erramos, mas no segundo tempo correspondemos bem. Tivemos uma boa conversa no intervalo, eles assimilaram e nos recuperamos”, avaliou Orlando RiIbeiro.

Com o ponto somado, o Tricolor chegou aos sete, ficando em primeiro lugar no Grupo B. O São Paulo encarará o segundo colocado do Grupo D, o Corinthians, já nesta terça-feira, dia 11 de dezembro, às 19h15, dando apenas um dia completo de folga entre os jogos. Com atletas lesionados e com dores, a comissão técnica optou por não levar os jogadores para o gramado, acelerando a parte regenerativana na academia e intensificando os cuidados junto do fisioterapeuta Thiago Cruz.

“É um torneio excelente para nós no que dize respeito a ganhar experiência e ser colocado em prova todo momento. Tinha projetado um treino nesta segunda-feira (10) em campo, mas preferimos ir pela linha de recuperar o emocional e físico dos jogadores. Tivemos a lesão do Rafael, que será reavaliado pelos médicos após exames, então vamos ver como estaremos até às 18h com o parecer dos profissionais da comissão e o parecer de dor próprios atletas. Vamos nos encontrar para a primeira palestra sobre o jogo às 21h30, e vamos para o jogo com o que tivermos de melhor para a final”, contou Orlando.

“Estamos com 24 atletas, sendo três goleiros. Com a possível saída do Rafael, ficaremos com 20 de linha. Os 23 que estarão à disposição aqui sabem que não vieram passear e serão utilizados a qualquer momento. Eles têm que estar preparados para esses momentos decisivos. Somos um grupo”, emendou.

São Paulo e Corinthians se encontram em campo na próxima terça-feira, dia 11 de dezembro, às 19h15, no Campo do SESC de Porto Alegre. Além de ter entrada gratuita aos torcedores, a partida terá transmissão ao vivo pelo SporTV.