São Paulo F.C



Aspirantes destacam maturidade e pregam cautela na final

Time Sub-23 venceu o Internacional no primeiro jogo da decisão do Brasileiro de Aspirantes

IMG_9698.jpg

Por Everton Silveira/saopaulofc.net

O elenco Sub-23 é unânime: a vantagem de 1 a 0 conquistada na primeira partida da final do Campeonato Brasileiro de Aspirantes, diante do Internacional, é importante, mas não empolga os tricolores, que enfrentam os gaúchos novamente no próximo sábado (24). Em busca do título inédito, o São Paulo recebe o adversário no Morumbi às 17h. 

Três figuras importantes da partida, jogada no Beira-Rio, falaram sobre o confronto: o técnico Marcos Vizolli, o goleiro Lucas Perri, que fez defesas essenciais para garantir a vitória, e o meio-campista Vinícius Garcia, autor do gol do triunfo são-paulino. 

“A vantagem, sem dúvidas, era algo que iríamos buscar, pois nosso time conseguiu muitas vezes bons placares fora de casa nessa edição do campeonato. E em uma final, um resultado positivo é muito importante”, afirmou o treinador, destacando a postura dos garotos em campo. 

“Temos uma defesa sólida, um goleiro experiente, então conseguimos não sofrer gols mais uma vez. Falávamos que a pressão iria existir e a gente precisava ter calma e matar o jogo, como aconteceu em uma bola parada. O jogo continua aberto, é uma final contra uma grande equipe que tem plenas condições de nos surpreender em casa”, afirmou. 

Personagem essencial na manutenção da vitória, o goleiro Lucas Perri fez pelo menos três grandes defesas para garantir a vitória do Tricolor. O arqueiro destaca a maturidade do time, que não sofre gols há sete partidas e tem a melhor defesa da competição (0,47 gols sofridos por partida). 

“O time foi muito maduro para fazer o gol e conseguir sustentar a vitória. A defesa está sendo um pilar da nossa equipe, que sabe que vai sofrer em vários momentos por conta da dificuldade do campeonato, mas que mesmo assim não sofre os gols. A gente leva um bom resultado para a volta, mas não tem nada ganho, o próximo jogo vai ser uma batalha maior ainda”, completou o camisa 1. 

Decisivo mais uma vez no ataque, Vinícius Garcia também falou sobre a pequena, mas importante vantagem são-paulina. O jogador tem sido essencial para o time Sub-23 e é o vice-artilheiro do time na competição, com sete gols marcados. 

“É gratificante poder ajudar a equipe novamente, foi mais um gol importante que nos dá uma certa vantagem, mas a gente não pode e nem vai jogar em cima desse resultado achando que o torneio está decidido. O que temos é uma semana para trabalhar com um pouco mais de tranquilidade, mas ainda com muita seriedade para buscar o troféu”, finalizou.