São Paulo F.C



Em busca do tetracampeonato da Copa SP

O Sub-20 do São Paulo encara o Flamengo, às 10h, no Pacaembu, em busca do quarto título do maior torneio de base do Brasil

8K1A1247.JPG

Por Igor Amorim / saopaulofc.net

O Tricolor entra em campo na manhã desta quinta-feira, dia 25 de janeiro, aniversário do clube e da cidade de São Paulo, para enfrentar o Flamengo, em busca do tetracampeonato da Copa São Paulo de Futebol Júnior. A partida acontece no Pacaembu, às 10h.

Campeão em 1993, 2000 e 2010, o Tricolor volta a figurar numa final de Copinha oito anos depois de revelar Lucas, Casemiro, Rodrigo Caio, entre outros. A batalha foi dura até chegar na grande final.

Após uma primeira fase impecável, com vitórias sobre Cruzeiro/DF, Sergipe e Botafogo/SP, o São Paulo encarou a Chapecoense, que havia eliminado o Tricolor nos pênaltis no ano anterior, na segunda fase também. Em jogo com chuva forte em Ribeirão Preto, Toró brilhou marcando duas vezes e garantiu o time de Cotia na terceira fase.

O jogo foi um reencontro com o time da casa, o Botafogo/SP. Foram 70 minutos de paciência até Fabinho sair do banco de reservas e fazer o único gol da partida. Depois, o atual campeão Brasileiro Sub-20, o Cruzeiro, que também deu trabalho. O único gol foi de Igor Gomes, classificando o Tricolor para as quartas de final.

Diante do Vitória, com 33 graus, à tarde, em Ribeirão Preto, o Tricolor saiu atrás no marcador, e teve de buscar o empate por duas vezes. A vitória no tempo normal bateu na trave duas vezes, levando a decisão para os pênaltis. Com confiança, quatro batidas foram convertidas e Júnior garantiu o triunfo com uma defesa.

Na semifinal, mais uma “guerra”, desta vez, durando dois dias. O São Paulo conseguiu se classificar para a final da Copa São Paulo após vencer o Internacional, nos pênaltis, na terça-feira (23), em jogo adiado após as fortes chuvas que caíram em Barueri na noite da última segunda-feira. Os clubes disputaram os minutos finais da partida que estava empatada por 1 a 1 e foi interrompida. A vaga foi nos pênaltis, com vitória dos meninos de por 6 a 5.

Para a grande final, o técnico André Jardine não terá desfalques por cartões e nem por lesão. Em toda competição, e até mesmo antes, no título da Copa Internacional Ipiranga, em dezembro, o Tricolor não perdeu nenhum atleta por lesões, devido ao bom trabalho da preparação física e do REFFIS, através dos fisioterapeutas e médicos, com treinamentos preventivos.

Com mais de 25 mil ingressos vendidos, Flamengo e São Paulo se enfrentam às 10h, no Pacaembu, com transmissão da TV Globo, Sportv, ESPN e Rede Vida.