São Paulo F.C



Na segunda rodada da Copinha, Tricolor goleia de novo

Em Capivari, garotos do Sub-20 venceram a União Barbarense por 6 a 2

Para o segundo compromisso na Copinha, o São Paulo entrou em campo na tarde desta quinta-feira, de novo em Capivari, para encarar a União Barbarense. E assim como na estreia, os garotos foram pra cima do rival, fizeram quatro gols logo no primeiro tempo e garantiram nova goleada: 6 a 2, gols de Frizzo (2), Vinicius (2), Caíque e Paulo Bóia.

> VEJA A FICHA TÉCNICA DO JOGO

Na próxima rodada, o Tricolor enfrenta o Capivariano, jogo que acontece no sábado (07), às 19h, na Arena Capivari. A partida, que será a reedição da final do Campeonato Paulista de 2016, tem entrada livre para a torcida.

O jogo

Para observar alguns jogadores que não atuaram a partida toda contra o Genus, o técnico André Jardine optou por mudar a equipe em relação à estreia e deu oportunidade ao lateral-direito Jeferson e ao atacante Léo Natel. A dupla entrou nas vagas de Neves e Matheus Lu.

O time começou o jogo com a mesma intensidade da goleada no primeiro jogo, mas demorou um pouco mais para abrir o placar. Aos nove minutos, Militão fez um lançamento maravilhoso para Caíque. Da direita, ele cruzou e Frizzo, muito bem posicionado, empurrou para o gol. Embalado, não demorou para sair o segundo. Léo Natel fez o cruzamento da esquerda, o zagueiro desviou, mas Vinicius estava atento e roubou a bola dele. E aí, foi só o volante finalizar de bico na direita do gol para ampliar o marcador.

Com o jogo dominado, os tricolores marcaram novamente aos 26. Pela esquerda, Léo Natel cruzou para a área e Caíque finalizou sem dificuldades. Com 3 a 0 de vantagem, o Tricolor viu o rival crescer, e em um ataque aos 43 minutos a equipe do interior diminuiu, com Rodnei. Mas ainda houve tempo para o troco na primeira etapa, e Frizzo fez mais um aproveitando o cruzamento de Caíque.

O começo do segundo tempo foi de um jogo mais tranquilo, sem grandes oportundidades. E com 17 minutos, Jardine fez cinco mudanças na equipe: entram Oliveira, Luizão, Bissoli, Luan e Paulo Bóia nos lugares de Frizzo, Pedro, Heron, Vinicius e Caíque. Minutos depois, mudou também a zaga, com Rony deixando o jogo para a entrada de Rodrigo. Aos 23 minutos, novamente com Rodnei, o adversário fez o segundo, o que não abalou os tricolores, que seguiram atacando. 

E seguiram atacando bastante, incomodando o goleiro rival. Mesmo com várias chances, o placar mudou só mais uma vez. Aos 42 minutos. Paulo Bóia recebeu na marca do pênalti e chutou. O goleiro defendeu, mas a bola ganhou efeito e acabou entrando no gol, definindo o marcador e garantindo nova goleada na competição.