São Paulo F.C



Tricolor goleia o Palmeiras e é tricampeão da Taça BH

No Independência, equipe não deu chances para o rival e garantiu mais um título para Cotia

O São Paulo chegou à final da Taça BH, o torneio juvenil mais importante do Brasil, com uma campanha irretocável. Foram quatro vitórias e dois empates para chegar à decisão, contra o Palmeiras, e no Choque-Rei Sub-17 os meninos fizeram bonito. Abriram 3 a 0 ainda no primeiro tempo e completaram o placar com um gol no fim do jogo, decretando 4 a 1 e a taça do torneio.

É a terceira vez que os são-paulinos vencem a competição, sendo a primeira com ela disputada pelo Sub-17: em 1987 e 1997, os juniores é quem jogavam o campeonato. O time volta agora as atenções para a disputa do Campeonato Paulista, que recomeça a ser disputado no dia 30. O Tricolor abre a segunda fase contra o Atibaia, em Cotia, às 11h.

O jogo

Sem poder contar com o capitão Diego, suspenso por ter recebido o terceiro cartão amarelo diante do Flamengo, o técnico Orlando optou por Miguel na zaga ao lado de Walce. Tuta completou a defesa pela esquerda, Weverson fechou a lateral-esquerda. No mais, a equipe foi a mesma utilizada no último jogo.

Aos quatro minutos veio a primeira grande chance do Tricolor. Weverson recebeu a bola aberto na esquerda e chutou cruzado, mas o lance saiu rente à trave esquerda do goleiro. Em seguida, depois da cobrança de escanteio, Marquinhos finalizou, mas por cima do gol! Gabriel Sara, aos 18 minutos, teve mais uma chance para o São Paulo com um chute frontal de fora da área, mas o goleiro pegou em dois tempos.

Bem nos contra-ataques, o Tricolor conseguiu abrir o placar aos 31 minutos. Igor escorou para Gabriel, que finalizou no alto do gol! Elétrico, o Tricolor conseguiu ampliar em seguida. Aos 33, Luan fez um passe em profundidade maravilhoso, Marquinhos recebeu na frente, driblou o goleiro e mandou para o gol. Ainda houve tempo para um terceiro gol no primeiro tempo. Miguel lançou Weverson, que mandou para as redes.

Logo no início do primeiro tempo, o Palmeiras conseguiu diminuir a vantagem. Os são-paulinos responderam aos cinco, com Gabriel, e em seguida com Igor, mas a assistente marcou impedimento do camisa 9 são-paulino. Aos 16, ótima chance do São Paulo ampliar em contra-ataque, Igor tocou para Rodrigo Nestor, mas o volante chutou em cima do goleiro.

O jogo ficou disputado, mas o Tricolor soube jogar, mantendo a posse de bola quando necessário e atacante quando tinha a oportunidade. Orlando fez todas as seis mudanças que tinha direito durante o segundo tempo, e em uma delas o time decretou o placar. Helio, que substituiu Gabriel Sara aos 35 minutos, recebeu a bola livre na direita, avançou e chutou de dentro da área, sem chances para o goleiro. Tricolor campeão!

São Paulo: Thiago; Tuta, Walce, Miguel e Weverson; Rodrigo Nestor (Rafael, 27min/2ºT), Luan, Gabriel Sara (Helio, 35min/2ºT), Igor (Cassio, 18min/2ºT), Marquinhos (Fabinho, 18min/2ºT) e Gabriel (Danilo, 27min/2ªT)

Técnico: Orlando Ribeiro