São Paulo F.C



Taça da garotada nos braços da torcida!

Técnico e jogadores do Sub-20 celebraram a conquista da Libertadores da América com os torcedores, no Pacaembu

Como forma de homenagear e parabenizar todo o elenco e a comissão técnica do Sub-20, que conquistaram a inédita Libertadores da América no último final de semana, no Paraguai, o capitão Banguelê, o artilheiro Luiz Araújo, o meio-campista Lucas Fernandes - autor do gol do título - e o treinador André Jardine deram uma volta olímpica com a taça na última quarta-feira (17), no Pacaembu, antes do confronto entre São Paulo e The Strongest-BOL.

CAMPEÕES SUB-20 SAÚDAM A TORCIDA - CONFIRA O VÍDEO ESPECIAL!

O comandante e a garotada revelada no Centro de Formação de Atletas Laudo Natel, em Cotia, foram aplaudidos de pé pelos torcedores e puderam celebrar a memorável conquista, que coroou uma temporada brilhante do time na categoria. Além do troféu continental, a equipe venceu a Copa do Brasil, a Copa Ouro e a Copa RS recentemente. Por isso, a saudação dos torcedores encheu os jogadores de orgulho.

"Foi uma alegria muito grande, porque a nossa equipe trabalhou bastante para ter este reconhecimento. A torcida sempre nos apoiou, e estamos felizes com a festa que eles fizeram para nos receber. É gratificante fazer parte desta história", afirmou o volante Banguelê, um dos destaques do Tricolor, que teve a opinião compartilhada pelo artilheiro Luiz Araújo.

"Foi uma sensação única e, sem dúvida, ficará para sempre marcado em nossas vidas. Jamais esquecerei daquele momento, e espero que momentos como aquele possam se repetir no futuro. Queremos proporcionar alegria para os torcedores sempre. Sempre imaginei e aguardei por um momento como aquele, especial, e passaram mil coisas na minha cabeça", festejou o goleador, que balançou as redes cinco vezes na competição sul-americana.

Para chegar à final da Libertadores Sub-20, o São Paulo empatou na primeira fase com o Libertad, em 1 a 1, em partida que teve dois jogadores expulsos, venceu o Independiente Del Valle por 8 a 0 e o Melgar por 3 a 0 na primeira fase. Na semifinal superou o Lanús, por 3 a 2, de virada, após sair perdendo de 2 a 0 em menos de 20 minutos. Na grande decisão, o gol solitário do armador Lucas Fernandes deu o título ao clube brasileiro.

"Ouvir a torcida gritar o meu nome foi um sonho realizado. Espero ouvir mais vezes no futuro, porque trabalho com a meta de chegar ao profissional um dia. Estou feliz com o reconhecimento e muito contente com a festa que os torcedores fizeram nas arquibancadas para nos receber com a taça", disse o autor do gol na final, que está inscrito no profissional para a disputa da Libertadores deste ano.

Por fim, com a sensação do dever cumprido, o técnico André Jardine valorizou o apoio da torcida são-paulina. "Foi muito legal. A gente já tinha tido um contato muito bacana com os torcedores na conquista da Copa do Brasil Sub-20. Desta vez, a conquista foi longe de casa, no Paraguai, sentimos a falta dos torcedores nos apoiando nos jogos, mas agora pudemos celebrar juntos. Jogar sem eles não é a mesma coisa, mas pudemos comemorar juntos de novo", finalizou o vitorioso comandante tricolor.