São Paulo F.C



U2 fecha turnê "The Joshua Tree" no Morumbi

Com quatro apresentações com Estádio cheio, banda irlandesa encanta fãs brasileiros com mega telão e repertório vasto

E pela última vez em 2017, nesta turnê, que comemora os 30 anos do disco “The Joshua Tree”, no Brasil, Bono Vox finalizou o show para mais de 70 mil fãs, que lotaram o Estádio do Morumbi, dentre as ultimas musicas, o som de “One” e a bandeira do Brasil no telão encantador de 8K.

Foi mais uma noite para emocionar gerações com os hits mais clássicos da banda irlandesa, que embalou adolescentes nas décadas de 80 e 90 até os dias de hoje. Como nas outras três apresentações que já haviam sido feitas no Brasil, na última semana, dias 19, 21 e 22, o show foi dividido em três atos:

O primeiro ato acontecia com o grupo quase no meio da plateia cantando os primeiros sucessos. O segundo ato, com um telão de 8K, que toma conta de todo palco, todas as músicas do álbum homenageado na turnê são relembradas. Para finalizar, músicas mais famosas, como "Elevation", "Vertigo" e “One”.

Esta foi a quarta turnê em que o grupo U2 escolheu o Morumbi como palco. A primeira vez foi em 1998, com abertura de Gabriel, o Pensador. Foram duas noites da turnê “PopMart”, com 75 mil e 95 mil pessoas presentes. 

Em 2006, o U2 voltou com a turnê “Vertigo”, também com duas apresentações, desta vez com abertura de Franz Ferdinand. As apresentações trouxeram mais de 70 mil pessoas em cada dia. Em 2011 foi a vez do U2 360º Tour, com o inesquecível palco 360 graus no meio do Estádio do Morumbi. As três apresentações, que tiveram média de 90 mil ingressos vendidos, tiveram abertura da banda de rock Muse.

Em 2017, nas quatro apresentações, o show de abertura ficou por conta do britânico Noel Gallagher, que teve em boa parte de seu repertório canções de sua antiga banda, o Oasis. Das 11 faixas apresentadas, o público vibrou principalmente com os três maiores sucessos: “Wonderwall”, “Champagne Supernova” e “Don’t Look Back in Anger”, todas do álbum “What’s the Story (Morning Glory)?”, de 1995, mas que foram executadas em uma nova leitura.

Com as quatro noites de show do U2, com abertura de Noel Gallagher, o Morumbi chegou a 182 apresentações recebidas em sua história, iniciada ainda em 1981, com o Queen. Em 2017, mais duas apresentações estão garantidas, do cantor americano Bruno Mars, nos dias 22 e 23 de novembro.