São Paulo F.C



De virada, Tricolor perde para o Binacional na estreia da Libertadores

Nos 3825 metros de Juliana, no Peru, São Paulo foi derrotado por 2 a 1 nesta quinta-feira (5)

Na altitude de 3825 metros acima do nível do mar, em Juliaca (PER), o Tricolor foi derrotado de virada por 2 a 1 pelo Binacional na estreia da Copa Libertadores de 2020 em duelo válido pelo Grupo D.

Alexandre Pato, na etapa inicial, colocou o São Paulo em vantagem no marcador. Porém, no segundo tempo, os donos da casa viraram o placar com gols de Marco Rodríguez e Arango.

Após a rodada de abertura, o Tricolor entrará em campo novamente pela competição sul-americana na próxima quarta-feira (11), às 21h30, no Morumbi, para enfrentar a LDU (EQU).

Antes, no entanto, o São Paulo retomará a disputa do Campeonato Paulista: no domingo (8), às 16h, em Ribeirão Preto, visitará o Botafogo (SP).

Para encarar os peruanos, a equipe não contou com Everton, Brenner (suspensos), Juanfran, Léo, Vitor Bueno e Helinho (lesionados), além do técnico Fernando Diniz (suspenso).

Assim, o time foi escalado com Volpi; Igor Vinícius, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Tchê Tchê, Dani Alves e Igor Gomes; Antony, Pato e Pablo.

No primeiro tempo, o Tricolor criou as melhores oportunidades e balançou as redes com Alexandre Pato, que aproveitou grande assistência de Pablo para abrir o placar: 1 a 0.

Na segunda etapa, porém, os efeitos da altitude prejudicaram o São Paulo, que não conseguiu evitar a virada no marcador. Com gols de Marco Rodríguez e Arango, o time são-paulino foi derrotado pelos anfitriões.

 

BINACIONAL (PER) 2 x 1 SÃO PAULO
Local: Estádio Guillermo Briceño, em Juliaca (PER)
Data: 05/03/2020 (quinta-feira)
Horário: 21h (de Brasília)

SPFC: Volpi; Igor Vinícius, Arboleda, Bruno Alves (Hernanes, 40/2) e Reinaldo; Tchê Tchê, Daniel Alves e Igor Gomes; Alexandre Pato (Toró, 27/2), Pablo (Liziero, 22/2) e Antony. Técnico: Márcio Araújo

Gol: Alexandre Pato, 20/1

BIN: Raúl Fernández; Angel Pérez, Eder Fernández, Fajardo e Reyes; Leudo, Tello, Angel Ojeda (Roque Guachire), Manco (Andy Polar, 8/2) e Arango; Marco Rodríguez (Zeta, 40/2). Técnico: Willy Escapa

Gols: Marco Rodríguez, 5/2, Arango, 33/2
Árbitro: José Mendez (PAR)
Assistentes: Eduardo Cardozo (PAR) e Jose Cuevas (PAR)
Cartões amarelos: Daniel Alves, 12/1; Igor Vinícius, 20/2; Guachire, 48/2