São Paulo F.C



Noite de Libertadores!

Diante do The Strongest-BOL, Tricolor estreia na fase de grupos com a missão de arrancar bem de olho nas oitavas

PINT9480.jpg

Por Paulo Pinto / saopaulofc.net

Como o torcedor são-paulino já está acostumado, a noite desta quarta-feira (17) será de Libertadores da América. No Pacaembu, às 19h30 (de Brasília), o Tricolor receberá o The Strongest-BOL com a missão de arrancar com o pé direito na fase de grupos da maior competição do continente. E para brigar por um resultado positivo na rodada de abertura da Chave 1, que ainda conta o atual campeão River Plate-ARG e o Trujillanos-VEN, o time são-paulino poderá contar com a volta do atacante Alan Kardec.

Sem condições de jogo, o centroavante desfalcou o São Paulo nos dois últimos confrontos - Corinthians (2 x 0) e César Vallejo-PER (1 x 0) -, além de ter sido preservado na goleada sobre o Água Santa (4 x 0) pelo Campeonato Paulista. Assim como o goleador, o lateral-direito Bruno também vai para o jogo. Recuperado de dores musculares que o tiraram de campo no decorrer do clássico do último final de semana, o camisa 2 foi liberado pelo Departamento Médico após fazer exercícios fisioterápicos.

"Depois de ver todas as alternativas e a recuperação dos atletas, decidi que o time vai ser o mesmo contra o Corinthians, salvo a entrada do Kardec pelo Calleri. É a única mudança. Depois, esperamos começar bem", avaliou o experiente treinador argentino, que nos últimos dias estudou a equipe adversária para preparar o time são-paulino. "Vimos um vídeo do adversário, que empatou o clássico com Bolívar. Vimos jogos anteriores também. Quando eles têm a bola, atacam com muita gente", opinou o comandante, que acrescentou.

"Não sabemos a postura do The Strongest aqui, mas temos claro o que vamos buscar: vamos tentar jogar no campo deles e vencer. Tomara que possamos fazer um bom jogo", completou. E se os três pontos são o alvo do Tricolor diante do The Strongest-BOL, o retrospecto da equipe no Estádio Paulo Machado de Carvalho pela Libertadores da América anima. O São Paulo jamais foi derrotado no Pacaembu: em sete confrontos, sendo o último contra o César Vallejo-PER  (1 x 0), foram quatro vitórias e três empates.

"Pensamos que se somarmos os pontos como mandante nos dá a possibilidade de classificar. Na Libertadores, não existe partida fácil. Minha experiência me diz isso. Todas são complicadas, mas estou seguro de que vamos melhorar com o decorrer dos jogos e continuaremos dando passos adiante", finalizou Patón, que foi campeão do torneio em 2008 e 2014, com LDU-EQU e San Lorenzo-ARG, respectivamente, sem ser derrotado como mandante.

Vale lembrar que o colombiano Wilder foi liberado pela comissão técnica para poder conhecer a primeira filha, que nasceu na última semana em seu país natal. Assim como o atacante, Daniel (contratura no músculo posterior da coxa direita), Diego Lugano e Maicon (aprimoram a forma física), Breno (tendinite no joelho direito) e João Paulo (fratura por stress) não estão à disposição de Patón.

SÃO PAULO x THE STRONGEST-BOL

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 17/02/2016, (quarta-feira)
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Mario Díaz de Vivar (Fifa-PAR)
Auxiliares: Carlos Cáceres e Milciades Saldívar (ambos Fifa-PAR)

SÃO PAULO: Denis; Bruno, Rodrigo Caio, Lucão e Mena; Hudson, Thiago Mendes e Paulo Henrique Ganso; Centurión, Michel Bastos e Alan Kardec. Técnico: Edgardo Bauza.

THE STRONGEST-BOL: Daniel Vaca; Luis Maldonado, Federico Pereyra, Jair Torrico e Diego Bejarano; Walter Veizaga, Raúl Castro e Alejandro Chumacero; Mariano Torres, Carlos Neumann e Pablo Escobar. Técnico: Mauricio Soria.