São Paulo F.C



Diniz: "Os erros da arbitragem atrapalharam muito"

Treinador avaliou o empate com o Novorizontino (1 x 1), que foi marcado por equívocos do árbitro

PINT8247.jpg

Por Paulo Pinto / saopaulofc.net

Assim como torcedores e integrantes da diretoria, o técnico Fernando Diniz ficou na bronca com a arbitragem no empate com o Novorizontino por 1 a 1 na noite desta segunda-feira (3), no Morumbi, em duelo válido pela quarta rodada do Campeonato Paulista.

> IMAGENS DO JOGO

O Tricolor teve dois gols anulados de forma equivocada, ambos marcados por Alexandre Pato, além de dois pênaltis não assinalados pelo árbitro. “Os erros da arbitragem atrapalharam muito. Foram quatro lances que poderiam ter resultado em gols: dois gols legítimos e outros dois pênaltis. Pelo menos um deles muito claro, do Vitor Bueno. Outros lances de falta”, comentou o treinador, que emendou.

“A arbitragem foi extremamente confusa. Quando a arbitragem penaliza muito um time, o futebol empobrece. Hoje, talvez, quem tenha sido o destaque da partida foi a arbitragem”, acrescentou o comandante, que destacou as oportunidades criadas pela equipe são-paulina.

“Em termos de produção de chance de gol, provavelmente tenha sido a melhor atuação do time sob o meu comando. O time tem de valorizar esse aspecto e temos coisas a melhorar. Vamos corrigir nos treinos, porque cedemos contra-ataques”, opinou.

Durante o atendimento à imprensa, Diniz também destacou o jovem Brenner, que entrou no segundo tempo e marcou o gol de empate. “O Brenner está treinando muito bem. Ele entrou e fez o gol. Está treinando bem e achei oportuno colocar”, concluiu.

Com o resultado, a equipe são-paulina se manteve na liderança do Grupo C, agora com oito pontos. No próximo domingo (9), às 18h, no Estádio Bruno José Daniel, o São Paulo enfrentará o Santo André na sequência do estadual.