São Paulo F.C



"Temos que achar o equilíbrio, porque teremos clássico no sábado"

Vagner Mancini avaliou o duelo com a Ferroviária e projetou o confronto com o Palmeiras

O Tricolor largou atrás, buscou o empate com a Ferroviária e quase conquistou a virada na noite deste sábado (9), no Pacaembu, em duelo válido pela décima rodada do Campeonato Paulista.

Durante a entrevista coletiva, Vagner Mancini avaliou o confronto que terminou empatado em 1 a 1. “Algumas coisas já evoluíram, outras vão evoluir. Outras precisamos evoluir rapidamente para não oscilar tanto. Hoje, a oscilação foi de 20 a 25 minutos, que nos custou sair atrás. Aí você se desgasta, tem que correr atrás. Temos a ideia de que se saíssemos à frente, poderíamos vencer bem a partida”, disse o comandante, que acrescentou.

“No começo tivemos dificuldade para marcar o bom time da Ferroviária. A partir do momento em que encaixamos a marcação, o São Paulo passou a ter grandes oportunidades. Aí pecou algumas vezes na finalização, algumas vezes na tomada de decisão, e por isso não alcançamos a vitória. Oscilamos um pouco no primeiro tempo, mas melhoramos no segundo tempo”, opinou.

Com o resultado, o São Paulo perdeu a liderança da chave. No próximo final de semana, novamente no Estádio Paulo Machado de Carvalho, o Tricolor terá o clássico contra o Palmeiras: no sábado (16), às 16h30.

“Trabalhamos bem nas duas últimas semanas, e é por isso que acredito que estamos caminhando para o rumo certo. A semana longa te dá oportunidade de corrigir essas coisas, e essas coisas estão sendo corrigidas. Temos que tentar achar esse equilíbrio, porque sábado que vem é um clássico”, afirmou Mancini, que completou.

“Tenho certeza de que a torcida estará aqui apoiando, porque sabe que dependemos desses pontos. Temos que chamar o torcedor, olhar nos olhos do torcedor e dizer que a gente entende que ele está sofrendo, o que ele está passando, mas que a gente precisa dele junto”, concluiu.