São Paulo F.C



Tricolor encara o Palmeiras em busca da vaga no mata-mata

Na noite desta quinta-feira (8), às 20h30, São Paulo visita o rival em duelo válido pelo Campeonato Paulista

2913.jpg

Por Rubens Chiri / saopaulofc.net

Motivado para conquistar a primeira vitória na casa do rival e em busca da classificação no mata-mata do Campeonato Paulista, o Tricolor visita o Palmeiras na noite desta quinta-feira (8), às 20h30, em duelo válido pela penúltima rodada da primeira fase.

Com 14 pontos, o São Paulo lidera o Grupo B e precisa de um resultado positivo para garantir a classificação antecipada. “Assim como é difícil enfrentar o São Paulo no Morumbi, a gente sabe como é complicado jogar contra o Palmeiras na casa deles. Respeitamos o time deles, mas estamos focados, trabalhamos bem e iremos em busca da vitória”, afirmou o atacante Marcos Guilherme.

Assim como o camisa 23, Valdívia também projetou o clássico. “Será um grande jogo, e estou confiante de que faremos uma boa partida. Clássicos são duelos diferentes, e tudo pode acontecer. Nossa equipe está motivada para buscar um resultado positivo”, analisou.

Para o Choque-Rei, a equipe não terá Sidão (contratura no músculo adutor direito), Anderson Martins (mialgia na região dorsal), Reinaldo (pequeno estiramento no músculo adutor esquerdo), Jucilei (contratura na coxa direita) e Morato (aprimora forma física após cirurgia para reconstrução de ligamento do joelho).

De olho no duelo com o arquirrival, o técnico Dorival Júnior comandou uma série de atividades táticas no CT da Barra Funda para ajustar a equipe. “Queremos ver uma equipe consistente. Em cima dessa consistência, que os resultados aconteçam. Com respeito pelos números, confiante no que a equipe possa produzir. Queremos o campeonato, não estamos brigando apenas para ganhar do Palmeiras fora de casa”, analisou.

PALMEIRAS x SÃO PAULO

Local: Arena Allianz Parque, em São Paulo (SP)

Data: 08/03/2018 (quinta-feira)

Horário: 20h30 (de Brasília)

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza

Assistentes: Danilo Ricardo Manis e Daniel Paulo Ziolli