São Paulo F.C



"Vamos com o mesmo espírito, é o que a nossa torcida merece"

Elenco quer manter postura do duelo de ida para buscar a classificação diante do Corinthians nesta quarta (28)

1421.jpg

Por Rubens Chiri / saopaulofc.net

Em busca da classificação para a decisão do Campeonato Paulista, o Tricolor enfrentará o Corinthians na noite desta quarta-feira (28), às 21h45, fora de casa, no duelo de volta da semifinal com a vantagem de atuar pelo empate para eliminar o rival.

E para seguir adiante no estadual, o elenco promete a mesma postura do primeiro confronto entre os clubes, que terminou com vitória são-paulina por 1 a 0, no Morumbi. “Nossa equipe tem que entrar lá com a mesma determinação da partida de ida. Temos uma vantagem, mas é mínima. Precisamos ter atenção total para conquistar a vaga”, disse o volante Jucilei.

Com o resultado positivo no Estádio Cícero Pompeu de Toledo, o São Paulo ganhou o direito de atuar pelo empate no jogo que definirá um dos finalistas do torneio regional. Se o rival vencer por um gol de diferença, a decisão será nas penalidades máximas.

“Nosso espírito durante todo o jogo foi o que nos fez vencer. É assim que queremos continuar, é assim que a torcida merece. Será um jogo muito difícil, porque eles têm uma equipe muito consistente. Lá tem que ter atenção dobrada, sei como é jogar lá, uma pressão grande, campo rápido e por isso temos que brigar por cada bola”, acrescentou Petros, que completou.

“Saímos na frente, mas não tem nada garantido. Temos apenas a vantagem para tentar surpreender fora de casa. Não perdemos uma dividida no jogo de ida, e faremos este mesmo esforço na volta. O Aguirre gosta de uma postura valente do time, e é justamente desta maneira que queremos defender a nossa permanência no campeonato”, emendou.

Por fim, o centroavante Tréllez também projetou o decisivo clássico. “Cada jogo tem um tabu e uma história. Temos a oportunidade de devolver a alegria ao nosso torcedor, e vamos com tudo em busca da classificação com a mesma vontade ou mais. Não podemos negociar atitude, isso não pode faltar, mas felizmente mostramos esta garra nos últimos jogos”, finalizou.