São Paulo F.C



Líder nota 10: Tricolor bate o Mogi Mirim e chega à décima vitória seguida

Casemiro e Fernandinho fizeram os gols do triunfo por 2 a 0, na noite deste sábado, na Arena Barueri

O São Paulo segue irresistível na temporada. Na noite deste sábado, na Arena Barueri, o Tricolor chegou à décima vitória seguida em 2012 e igualou a marca de 2002, quando a equipe era comandada por Osvaldo de Oliveira. De quebra, garantiu uma Páscoa agradável e tranquila aos torcedores.

Com gols de Casemiro e Fernandinho, ainda no primeiro tempo de jogo, o São Paulo bateu o Mogi Mirim por 2 a 0, pela penúltima rodada da primeira fase do Estadual. Com 43 pontos, a equipe permanece na liderança da competição, independente dos resultados deste domingo.

Em campo, o São Paulo voltou a mostrar a mesma dedicação e eficiência dos últimos jogos. Mesclou momentos de raça com habilidade. A torcida que abdicou do feriado para ir à Arena Barueri não se decepcionou. Aliás, a cada dia o time mostra que os torcedores poderão vibrar muito neste ano.

GOLS E VIBRAÇÃO

O técnico Emerson Leão teve uma baixa logo na manhã deste sábado. Denilson, gripado, foi vetado. Dessa forma, o treinador entrou com um time bem ofensivo diante do Mogi Mirim, com Jadson, Lucas, Fernandinho e Luis Fabiano no comando de ataque são-paulino.

O primeiro lance de perigo não demorou a acontecer. Aos três minutos, Luis Fabiano arriscou de fora da área, mas o goleiro mandou para escanteio. Na primeira cobrança de Jadson, Cícero quase marcou. Na segunda, Rhodolfo também teve boa oportunidade de cabeça.

Aos 14 minutos, Fabrício e Paulo Miranda, com dores musculares, deixaram o campo para as entradas de Casemiro e João Filipe. E coube a Casemiro abrir o placar. Aos 28 minutos, ele subiu mais que a zaga do Mogi e fez de cabeça. Foi o segundo gol do camisa 28 nesta temporada.

O volante acabaria sendo o principal destaque do time no primeiro tempo. Bem posicionado e com passes precisos, ele tomou conta do meio de campo. Aos 36, Casemiro lançou Fernandinho, que levou perigo. Aos 39, após cabeçada do garoto na trave, o próprio atacante empurrou para o fundo das redes.

DÉCIMA VITÓRIA SEGUIDA

Mesmo com a vantagem no placar, o Tricolor voltou para a etapa final pressionando o adversário. O goleiro Denis era um mero espectador em campo. O São Paulo chegou com Luis Fabiano e Lucas. Lá atrás, Cortez se destacava pela boa atuação defensiva. O lateral teve o nome gritado pela torcida.

Aos 25 minutos, Osvaldo entrou no lugar de Fernandinho, que deixou o campo muito aplaudido. Aos 27 minutos, Casemiro recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Com um a menos, o Tricolor diminuiu os ataques e administrou o resultado. Quando o Mogi Mirim chegava, Denis executava boas defesas.

Se por um lado o árbitro não teve dúvidas em expulsar Casemiro, o mesmo critério não foi usado para o rival. O time do Mogi seguiu com um número alto de faltas, mas ninguém recebeu o vermelho. Apesar disso, o São Paulo teve experiência e cabeça para segurar o ímpeto do adversário e venceu mais uma no ano.

REAPRESENTAÇÃO

De folga neste domingo, o elenco são-paulino se reapresentará na próxima segunda-feira, às 9h, no CT da Barra Funda. Na quarta-feira, o Tricolor enfrentará o Bahia de Feira, fora de casa, pela segunda fase da Copa do Brasil. Se vencer por dois ou mais gols de diferença, o São Paulo eliminará o jogo da volta.