São Paulo F.C



São Paulo vence Athletico na Arena e encosta nos líderes do Brasileiro

Em duelo dificílimo em Curitiba, Tricolor vence paranaenses por 1 a 0, com gol de Vítor Bueno, e soma a quinta vitória consecutiva

Em partida realizada na noite desta quarta-feira (21), na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), o São Paulo venceu o Athletico Paranaense por 1 a 0, com gol de Vítor Bueno, em duelo adiado da 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Foi a quinta vitória consecutiva do Tricolor, que pulou para a quarta posição, encostando de vez entre os primeiros colocados da competição.

Com o resultado, o Tricolor foi para 30 pontos, igualando a pontuação de Flamengo (segundo lugar) e Palmeiras (terceiro), que ficam à frente nos critérios de desempate - número de vitórias e saldo de gols. O líder Santos tem 32, apenas dois a mais que o São Paulo. Na próxima rodada, a equipe são-paulina enfrentará o Vasco da Gama, no domingo (25), às 16h, em São Januário, no Rio de Janeiro.

Para encarar o Athletico na Arena da Baixada, o técnico Cuca formou a equipe com: Volpi; Igor Vinícius, Arboleda, Anderson Martins e Reinaldo; Tchê Tchê, Liziero e Daniel Alves; Antony, Raniel e Vítor Bueno. No segundo tempo, entraram Willian Farias, Léo e Juanfran nos lugares de Vítor Bueno, Liziero e Antony, respectivamente.

O primeiro tempo começou com muita marcação dos dois lados, mas os dois times procurando também o ataque. Aos 39 minutos, em linda jogada, o Tricolor chegou ao gol. Igor Vinícius roubou pela direita e passou para o meio, Raniel deixou passar para Liziero, que cruzou na medida para Vítor Bueno tocar por cima do goleiro: 1 a 0!

No segundo tempo, o São Paulo voltou disposto a fazer o segundo para ganhar mais tranquilidade, mas o Athletico também assustou com ataques perigosos. O goleiro Tiago Volpi e a zaga são-paulina tiveram grande atuação e seguraram o placar. Uma vitória gigante do São Paulo!

ATHLETICO-PR X SÃO PAULO 
Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 21/08/2019 (quarta-feira)
Horário: 19h15

SPFC: Volpi; Igor Vinícius, Arboleda, Anderson Martins, Reinaldo, Tchê Tchê, Liziero (Léo, 38min/2ºT), Vitor Bueno (Willian Farias, 29min/2ºT), Dani Alves, Raniel e Antony (Juanfran, 42min/2ºT). Técnico: Cuca.

Gol: Vitor Bueno (12min/1ºT).

CAP: Santos; Léo Pereira, Wellington (Tomás Andrade, 35min/2ºT), Rony (Marco Ruben, no intervalo), Marcelo Cirino, Nikão, Adriano, Madson, P. Henrique, Thonny Anderson (Vitinho, 17min/2ºT), Bruno Guimarães. Técnico: Tiago Nunes.

Árbitro: Daniel Nobre Bins (RS)
Assistentes: Jose Eduardo Calza e Lucio Beiersdorf Flor (ambos do RS)

Cartões amarelos: Bruno Guimarães (47min/1ºT); Reinaldo (47min/1ºT); Thonny Anderson (16min/2ºT); Wellington (25min/2ºT); Arboleda (26min/2ºT); Everton Felipe (48min/2ºT)

Público: 21.526
Renda: R$ 765.475,00