São Paulo F.C



“Sabíamos que seria um jogo difícil. Temos que comemorar muito essa vitória”

Cuca avaliou o desempenho tricolor na vitória sobre o Ceará por 1 a 0 na tarde deste domingo (18)

PINT3853.jpg

Por Paulo Pinto / saopaulofc.net

Após o triunfo são-paulino por 1 a 0 na tarde deste domingo contra o Ceará, na presença de quase 48 mil torcedores no Morumbi, o técnico Cuca concedeu entrevista coletiva e analisou o desempenho dos jogadores contra um adversário bem organizado e embalado no Campeonato Brasileiro.

“Temos que comemorar muito essa vitória. A gente sabia que seria um jogo difícil contra o Ceará. É um time ajustado que sai com força no ataque. Eles vêm de bons resultados dentro e fora de casa, perdendo apenas uma partida nos últimos cinco jogos”, afirmou.

O treinador também explicou o motivo que o fez escalar um meio de campo com Liziero, Tchê Tchê e Daniel Alves: “Nós entramos com um meio de campo mais leve para ter uma transição mais rápida e conseguimos fazer o gol no fim do primeiro tempo”.

O resultado positivo também foi muito comemorado pela quantidade de jogadores sem ritmo de jogo que entraram na partida. “Entramos com jogadores que estavam sem ritmo de jogo. Juanfran estava havia três meses sem jogar, Liziero, quatro, e Anderson Martins, dois. Sentimos um pouco essa falta de ritmo e entrosamento, mas hoje temos que comemorar por ser uma equipe que ainda está em formação”, completou.

Para finalizar, o treinador falou um pouco sobre a partida atrasada que o São Paulo realizará nesta quarta-feira (21), contra o Athletico Paranaense, e a oportunidade de conseguir mais três pontos e subir ainda mais na tabela, encostando na liderança do Campeonato Brasileiro. Cuca ressaltou a dificuldade do próximo adversário e a competitividade do torneio nacional.

“Contra o Athletico vai ser a mesma coisa. Não tem refresco, todo jogo é um divisor de águas. Temos que fazer o melhor em todas as partidas. Hoje estamos em quinto, dividindo a posição com o quarto. Quem sabe na quarta conseguimos mais três pontos e subimos na classificação. Vamos lutar para isso”, finalizou o comandante são-paulino.