São Paulo F.C



Aposta de Cuca funciona, e Tricolor vence o Goiás por 2 a 1

Treinador escalou Toró e Pato no ataque, e dupla marcou os dois gols são-paulinos no Serra Dourada

Com gols de Alexandre Pato e Toró – apostas de Cuca para o ataque no duelo no Serra Dourada -, o Tricolor venceu o Goiás por 2 a 1 nesta quarta-feira (01/05) e manteve os 100% de aproveitamento neste início de Campeonato Brasileiro.

Com o importante resultado fora de casa, o São Paulo assumiu a liderança da competição nacional, agora com seis pontos em dois jogos. No próximo domingo (5), às 16h, no Morumbi, o time paulista receberá o Flamengo em busca da trinca no torneio.

Para encarar o Esmeraldino, a equipe são-paulina não contou com Luan, Liziero, Rojas e Pablo, lesionados, além de Gonzalo, suspenso preventivamente. Assim, com o jovem Toró entre os titulares pela primeira vez, o técnico Cuca escalou o time com Volpi; Igor Vinícius, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Hudson e Tchê; Antony, Toró, Pato e Everton.

Já o adversário atuou com Tadeu; Kelvin, David Duarte, Yago e Jefferson; Geovane, Léo Sena, Giovanni Augusto e Michael;  Kayke e Barcia. O primeiro tempo agitado, e o Tricolor largou na frente em busca de um resultado positivo fora de casa.

Aos 31 minutos, Alexandre Pato aproveitou boa trama entre Antony e Igor Vinícius pela direita para abrir o placar: o camisa 7 pegou de primeira, rasteiro, e anotou o seu primeiro gol neste retorno ao clube. 1 a 0.

O gol deixou o São Paulo ainda mais à vontade e, assim, deu confiança para o jovem Toró arriscar em busca do seu primeiro gol pelo time principal: aos 35, o atacante avançou pela esquerda, trouxe para o pé direito e bateu colocado, sem chances para o goleiro adversário. Golaço! 2 a 0.

E quando o Tricolor tentava administrar o resultado antes do intervalo, os donos da casa descontaram já nos acréscimos, com Barcia. 2 a 1.

A segunda etapa não foi tão movimentada quanto a primeira, mas ainda assim o São Paulo chegou com perigo algumas vezes na frente – principalmente com Antony, em finalizações da entrada da área.

Nos instantes finais, o Goiás tentou pressionar em busca do empate, porém, o sistema defensivo são-paulino neutralizou as investidas do rival. Dessa forma, o Tricolor fez a trinca no Serra Dourada: tinha derrotado o próprio Esmeraldino, em 2015, e o Atlético-GO, em 2017, ambos por 1 a 0.

GOIÁS 1 x 2 SÃO PAULO
Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 01/05/2019 (quarta-feira)
Horário: 21h30 (de Brasília)

GEC: Tadeu; Kevin (Daniel Guedes, intervalo), David Duarte, Yago, Jefferson (Marcelo Hermes, 5min/2ºT); Geovane, Giovanni Augusto (Júnior Brandão, 34min/2ºT) e Léo Sena; Michael, Kayke e Leandro Barcia. Técnico: Claudinei Oliveira

Gol: Leandro Barcia (49min/1ºT)

SPFC: Volpi; Igor Vinicius, Arboleda (A. Martins, 44min/1ºT), Bruno Alves e Reinaldo; Hudson, Tchê Tchê e Antony; Pato (Hernanes, 28min/2ºT), Toró (Brenner, 33min/2ºT) e Everton. Técnico: Cuca

Gols: Pato (31min/1ºT) e Toró (35min/1ºT)

Árbitro: Rafael Traci (SC)
Auxiliares: Kleber Lucio Gil (SC) e Ivan Carlos Bohn (PR)
Quarto árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Analista de Campo: Júlio César Mota Fernandes (GO)
VAR: Braulio Machado (SC), Igor Junio B. de Oliveira (MG) e Carlos Berkenbrock (SC)

Cartões amarelos: GEC: Kayke (41min/1ºT), Leandro Barcia (1min/2ºT), Junior Brandão (44min/2ºT); SPFC: Reinaldo (40min/2ºT), Anderson Martins (44min/2ºT)
Cartão vermelho: Igor Vinícius (48min/2ºT)

Público: 27.715 pagantes, 29.644 presentes
Renda: R$ 728.730,00