São Paulo F.C



Tricolor se reabilita e vence o Vasco no Morumbi

Com gol de Antony, São Paulo derrotou os cariocas por 1 a 0 nesta quinta-feira (28) pelo Brasileiro

Com gol de Antony logo no começo da partida, o Tricolor venceu o Vasco da Gama por 1 a 0 na noite desta quinta-feira (28) e se reabilitou no Campeonato Brasileiro após quatro jogos de jejum.

Com o importante triunfo no Morumbi, o São Paulo recuperou a confiança neste momento decisivo da temporada e encaminhou a classificação para a Copa Libertadores de 2020 - agora com 57 pontos em 35 rodadas, o Tricolor está na sexta colocação.

No próximo domingo (01/12), às 19h, em Porto Alegre, o time paulista enfrentará o Grêmio em confronto direto na tabela da competição nacional: os gaúchos estão no quarto lugar, com 59 pontos.

Para encarar os cariocas, o time contou com a volta de Pablo, que cumpriu suspensão automática diante do Ceará (1 x 1). Já Rojas (cirurgia no joelho), Everton (lesão no joelho) e Jean (entorse no tornozelo) não estavam à disposição.

Assim, o técnico Fernando Diniz escalou a equipe com Volpi; Juanfran, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Tchê Tchê, Dani Alves e Igor Gomes; Antony, Pablo e Vitor Bueno.

O Tricolor começou o primeiro tempo ligado, presente no campo de ataque e pressionou os vascaínos. Desta forma, o São Paulo logo conseguiu balançar as redes e largou na frente aos seis minutos com Antony, que bateu colocado da entrada da área.

Na segunda etapa, apesar do Vasco criar algumas oportunidades e assustar, o time são-paulino passou perto de ampliar a vantagem e chegou com perigo na frente. E com segurança defensiva, a equipe conquistou o importante triunfo na capital paulista.

 

SÃO PAULO 1 x 0 VASCO DA GAMA

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 28/11/2019 (quinta-feira)
Horário: 20h30

SPFC: Volpi; Juanfran, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Tchê Tchê (Luan, 27/2), Daniel Alves e Igor Gomes (Liziero, 41/2); Antony, Pablo e Vitor Bueno. Técnico: Fernando Diniz.

Gol: Antony, 5/1

CRVG: Fernando Miguel; Yago Pikachu, Oswaldo Henríquez, Leandro Castán e Henrique; Richard (Felipe Ferreira, 24/2), Guarín, Raul, Bruno César (Valdívia, 13/2) e Marcos Júnior (Ribamar, 47/1); Marrony. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Cartões amarelos: Tchê Tchê, 41/1; Marcos Júnior, 44/1; Juanfran, 8/2; Reinaldo, 8/2; Luan, 32/2; Raul, 44/2
Público pagante: 11.970
Renda bruta: R$ 343.649,00

Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e Jose Reinaldo Nascimento Junior (DF)
Quarto Árbitro: Rafael Gomes Felix da Silva (SP)
Analista de Campo: Marcelo Rogério (SP)
Árbitro de Vídeo: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes de Árbitro de Vídeo: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA) e Ciro Chaban Junqueira (DF)
Observador de VAR: Giulliano Bozzano (MG)